O limite de hashrate da RTX 3060 não é o suficiente para impedir lucros com mineração de criptomoedas

Ontem, a Nvidia anunciou que a RTX 3060 limitaria o poder de hash ao detectar a mineração de Ethereum, mas a Nvidia foi estranhamente específica sobre o Ethereum. Isso nos fez pensar: e das outras moedas? Afinal, Ethereum não é a única moeda de criptografada que existe, e novas moedas e algoritmos são lançados regularmente.

A RTX 3060 implementa vBIOS e proteções de driver para detectar quando a placa está minerando Ethereum, cortando o hashrate pela metade. Mas, conforme descoberto pelo YouTuber CryptoLeo, a placa ainda minerará outras moedas, sem quaisquer restrições. E mesmo com o hashrate cortado pela metade, ainda é possível lucrar 38 reais por dia com a placa.

Leo mineirou moedas como Octopus, Cortex e um punhado de outras com umaGPU Pré-NDA RTX 3060e descobriu que com as duas primeiras a GPU ainda é capaz de gerar cerca de seis dólares e meio por dia, mais que suficiente para compensar o corte de hashrate.

Claro, essas moedas não são tão populares quanto Ethereum devido à menor lucratividade geral, então faz sentido que a Nvidia visasse a mineração de moedas Ethereum com o limitador de hashing. Mas isso faz você se perguntar: foi tudo apenas um golpe de relações públicas complicado para recuperar alguma popularidade entre os jogadores? Talvez, vamos descobrir quando as 3060 chegarem ao mercado.

Fonte: TOMSHARDWARE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Privatização dos Correios – Projeto de Lei é enviado para Câmara

Bolsonaro acaba de confirmar detalhes sobre a PL de desestatização do serviço Jair Bolsona…