A Bruen estava a dar demasiado nas vistas.

A Infinity Ward aplicou um nerf a uma das mais poderosas armas de Call of Duty: Modern Warfare e Warzone, a Bruen MK9.

Apresentada na Season 3, a Bruen tornou-se numa das mais importantes armas de Call of Duty, especialmente quando equipada com os acessórios adequados, que lhe permitiam grande mobilidade, bom tempo ao recarregar e boa eficácia à distância. Tornou-se numa escolha popular para Warzone, mas agora recebeu ajustes e o seu dano foi reduzido.

Os números oficiais ainda não foram revelados, mas os data miners já viram o que foi feito e segundo o COD Tracker, obrigado ao Eurogamer, o dano máximo desceu de 42m para 27m.

A FAL também foi ajustada e recebeu um aumento no dano dos tiros na cabeça à distância e uma redução no dano a curto alcance. Precisarás de dois tiros à distância quando acertas na cabeça e três tiros ao disparar para o resto do corpo.

COD Tracker avança que o dano máximo da FAL a 20m foi reduzido de 65 para 49, tornando-se menos poderosa, mas ainda assim incrivelmente eficaz se tiveres boa pontaria para acertar na cabeça dos adversários.

A Holger-26 LMG e a M91 LMG também foram ajustadas para se tornarem mais poderosas e seguem na direcção oposta da Bruen, que a Infinity Ward sentiu estar demasiado poderosa.

Ashton Williams da Infinity Ward confirmou ainda que está a caminho uma segunda actualização que corrigirá problemas gráficos que alguns jogadores encontraram ao usar algumas armas.

Fonte: eurogamer.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…