2MASS 1155-7919 b orbita uma estrela muito jovem, com apenas 5 milhões de anos; quando ela se formou, mastodontes, elefantes, cavalos e bovinos já andavam pelo nosso planeta

Astrônomos do Instituto de Tecnologia de Rochester, em Nova York, publicaram no periódico Research Notes of the American Astronomical Society um artigo detalhando uma nova descoberta: um planeta gigante “bebê”, com cerca de 10 vezes o tamanho de Júpiter.

Batizado de 2MASS 1155-7919 b, ele fica a 330 anos-luz da Terra, o que é perto em uma escala cósmica, e orbita sua estrela a uma distância equivalente a 600 vezes a distância da Terra ao Sol, ou 600 Unidades Astronômicas (AU). Para se ter uma ideia, Plutão, que até 2006 era considerado o planeta mais distante no sistema solar, está a “apenas” 39,5 AU do Sol.

Reprodução

O que diferencia 2MASS 1155-7919 b de outros exoplanetas gigantes já encontrados é sua idade: sua estrela tem apenas 5 milhões de anos, ou seja, se formou durante o que na Terra era o período Plioceno, quando mastodontes, elefantes, cavalos e bovinos já andavam pelo nosso planeta.

“Embora muitos outros planetas tenham sido descobertos através da missão Kepler e outras missões como ela, quase todos são planetas ‘antigos'”, disse Annie Dickson-Vandervelde, autora principal do artigo. “Este é apenas o quarto ou quinto exemplo de um planeta gigante tão longe de sua estrela “mãe”, e os cientistas estão lutando para explicar como se formaram ou acabaram lá”.

Fonte: olhardigital via CNet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Xiaomi faz festival com promoção relâmpago de smartphones nesta terça-feira

Se você está pensando em comprar um celular novo ou em equipar sua casa, tem uma boa oport…