O meio do ano já ficou para trás. Adentramos agora a reta final de 2019. Faltam apenas 4 meses para o fim do ano. Assim, chegam também os filmes que visam prêmios. Ou seja, esta é a temporada preferida para uma grande parte dos cinéfilos. Com os últimos grandes festivais do ano (como Toronto), os pretendentes a indicações da Academia começam a tomar forma.

Mas setembro tem também grandes produções de entretenimento, algumas inclusive muito aguardadas, além de obras nacionais de muito prestígio. Confira os filmes mais interessantes que irão aportar em nossos cinemas no nono mês do ano. Vem conferir e não esqueça de comentar.

05/09

It – Capítulo 2

It: A Coisa (2017), reimaginação para o cinema da obra literária de Stephen King foi um enorme sucesso, arrancou todos os elogios possíveis dos críticos e se tornou a maior bilheteria de um filme de terror de todos os tempos. A expectativa para o segundo se tornou, consequentemente, enorme. O terror abre o mês, mostrando o Clube dos Perdedores agora crescido, nas formas de Jessica Chastain, James McAvoy e Bill Hader, entre outros, precisando enfrentar novamente o palhaço Pennywise.

12/09

Vai que Cola – O Começo

A comédia é o gênero que mais faz sucesso no nosso cinema, capaz de arrastar uma verdadeira multidão. Assim, o sucesso televisivo Vai que Cola ganha mais um longa para o cinema. Desta vez sem o protagonista Paulo Gustavo (que também saiu do programa de TV), o novo filme mostrará o início de tudo, numa pré-sequência onde os personagens estarão se conhecendo. Mas as confusões e risos estão garantidos.

Divaldo – O Mensageiro da Paz

Outro filão do cinema nacional (e mundial) são os filmes religiosos. Nos EUA, filmes com esta temática têm feito muito sucesso, e por aqui quase sempre tratam-se de adaptações biográficas. A “bola” da vez é o filantropo Divaldo Franco, médium discípulo de Kardec e Chico Xavier, ambos donos de seus próprios filmes também. No filme, Divaldo é vivido na juventude por Ghilherme Lobo e na fase adulta por Bruno Garcia.

Legalidade

Outro gênero que costuma esquentar o sangue dos brasileiros são os thrillers políticos. Cléo Pires (ou simplesmente Cléo) é o chamariz desta espécie de biografia do político Leonel Brizola. Passado na década de 1960, o filme retrata a luta de resistência do então governador, que liderou o movimento conhecido como Legalidade, pela posse de João Goulart, e contra o golpe militar. O filme estreia com um teor agridoce, já que jovem ator Leonardo Machado, que interpreta Brizola, faleceu recentemente aos 42 anos.

19/09

Rambo – Até o Fim

Quinto filme da franquia Rambo, protagonizado por Sylvester Stallone. Tudo começou lá em 1982, com um veterano da guerra do Vietnã retornando para seu país e não encontrando espaço para viver naquela sociedade. Muitas décadas se passaram desde então, e Rambo já foi coroado como herói máximo da ação na década de 1980. Agora, o implacável personagem segue resolvendo conflitos, desta vez no México.

Midsommar – O Mal Não Espera a Noite

Hereditário chamou muita atenção no ano passado, com seus fãs fervorosos clamando por prêmios para a obra. O diretor Ari Aster sem dúvida criou uma produção memorável. Aqui, lançando um novo trabalho de forma consecutiva, o talentoso diretor resolve nos dar o outro lado da moeda, um filme de terror passado às claras, a céu aberto, num cenário tipicamente de sonhos e não de pesadelos como seu antecessor.

A Música da Minha Vida

Musicais biográficos de cantores ou bandas icônicas estão na moda. Tivemos Bohemian Rhapsody, o filme do Queen, que se tornou um enorme sucesso no Oscar, e este ano foi a vez de Rocketman, filme sobre o igualmente talentoso Elton John. Para o “boss” Bruce Springsteen, uma abordagem diferente é tentada. Esta não é uma biografia do roqueiro, embora sua música e letras estejam diretamente ligadas a trama. Na década de 1980, um jovem de descendência paquistanesa encontra nas canções de Springsteen o caminho para superar as dificuldades da vida. O longa vem sendo muito elogiado pela imprensa.

26/09

Ad Astra – Rumo às Estrelas

Com toda cara de ser uma destas ficções científicas espaciais definidoras, de alto conceito, Ad Astra é enigmático o suficiente e mistura diversos elementos de produções do gênero. Dirigido por James Gray, que nunca havia se aventurado por este tipo de filme, o longa é protagonizado por Brad Pitt. No filme, o astro parte em uma missão quase impossível pelo espaço a fim de descobrir o que de fato aconteceu com seu pai e sua equipe há 30 anos, numa investida malsucedida que ameaça o universo.

Predadores Assassinos

Com toda esta pompa de filmes “premiáveis”, sentimos até falta de um entretenimento que é pura diversão e adrenalina. E nada melhor para isso do que um filme sobre crocodilos assassinos, uma tempestade homérica e personagens lutando pela vida, presos a uma enchente numa casa. A bela filha de brasileira Kaya Scodelario é que protagoniza como a heroína relutante, que precisa enfrentar as criaturas cheias de dentes.

Abominável

Nova animação da Dreamworks, mesmo estúdio do sucesso deste ano Como Treinar o Seu Dragão 3. No projeto, a cultura asiática é visitada quando uma menina descobre um Abominável homem das neves vivendo no telhado de seu prédio em Xangai. Depois do estranhamento, e de fazerem amizade, eles partem numa jornada a fim de reunir a criatura com seus entes queridos nas montanhas geladas do país.

Hebe – A Estrela do Brasil

As biografias em geral têm emplacado com o público brasileiro, sejam elas de políticos, religiosas ou figuras da música. Podem até mesmo ser de figuras icônicas, como apresentadores de TV. Ano passado tivemos descortinada a vida de Abelardo Barbosa, o eterno Chacrinha, e agora chega a vez da saudosa “graxinha” Hebe Camargo ganhar um filme só seu. Vivida pela grande Andrea BeltrãoHebe nos leva de volta aos anos 80 para recontar a trajetória da apresentadora.

 Fonte: Cinepop

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Mais problemas! WhatsApp Web expõe número de usuários na internet

Enquanto tenta se defender e tranquilizar o público quando o assunto é a sua nova política…