A criatividade da Xiaomi segue em alta. A fabricante chinesa, cercada de fãs pelo mundo, inovou mais uma vez e mostrou hoje um smartphone que é quase inteiramente feito de tela: o Mi Mix Alpha.

O dispositivo mostra que a empresa preferiu, no momento, seguir em direção diferente da Huawei e da Samsung, que lançaram aparelhos dobráveis neste ano. A empresa diz que o Mi Mix Alpha é um celular “conceito” e terá vendas limitadas.

O smartphone “conceitual” deve chegar ao mercado chinês em dezembro deste ano por um valor que beira R$ 11,5 mil, custando mais até do que o Galaxy Fold. A ideia, no entanto, não é produzir o telefone em larga escala.

Haja tela

A novidade da Xiaomi, que pode ser estranha em um primeiro momento, tem um display que envolve praticamente toda a carcaça do aparelho, na frente e atrás. Isso cria uma proporção de 180% de tela para o corpo do dispositivo.

O produto tem algumas características curiosas em relação aos outros smartphones já existentes no mercado. Ícones como status, bateria e conexão wi-fi ficam na lateral da tela.

A tela traseira não faz muito mais do que a dianteira: na prática, ela se acende e toma as funções do display “normal” quando você gira o celular.

Câmera de 108 MP

Como é envolvido por uma única tela, o Mi Mix Alpha não tem câmera na frente do celular, forçando o usuário a virar o aparelho para tirar uma foto do próprio rosto com a tela traseira.

Ao menos as câmeras da “traseira” parecem de peso: existe um sensor principal de absurdos 108 MP feito em parceria com a Samsung, além de uma lente grande angular de 20 MP e outra teleobjetiva de 12 MP.

Poderoso

As configurações internas são potentes. O processador é um Snapdragon 855+ da Qualcomm, com 12 GB de RAM e capacidade de armazenamento de 512 GB, além de bateria de 4.050 mAh.

Além disso, o celular terá suporte para a nova tecnologia de conexões 5G.

Mi 9 Pro também é lançado

Além do Mi Mix Alpha, a Xiaomi também anunciou um celular mais próximo da realidade atual: o Mi 9 Pro, uma evolução do seu atual top de linha.

O smartphone vem com desempenho potente e conta com tecnologia 5G por “apenas” US$ 520 (cerca de R$ 2.500). Ele ainda conta com carregamento rápido de 40W.

Ficha técnica: Mi Mix Alpha

Tela: Surround Display Super AMOLED de 6,39 polegadas
Processador: Snapdragon 855+
Memória: 512 GB de armazenamento e 12 GB de RAM
Câmeras: tripla (principal de 108 MP, grande angular de 20 MP e teleobjetiva de 12 MP)
Bateria: 4.050 mAh

Fonte: uol

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Google afasta funcionário que disse que IA da empresa tem alma

Blake Lemoine, engenheiro de software do Google, foi afastado da gigante da tecnologia na …