Cidadãos paulistas poderão utilizar um aplicativo para agendar consultas e exames em hospitais municipais. O app Hora Marcada, desenvolvido pela Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo) para a Secretaria Estadual da Saúde, já pode ser baixado nesta terça-feira (16) em celulares com sistema operacional Android.

Inicialmente, o Hora Marcada vai funcionar apenas para os moradores de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. Segundo o governo, o sistema que “facilita o agendamento pelo celular” ainda será oferecido a todas as prefeituras do estado — uma data para isso acontecer não foi entregue.

Como uma agenda virtual, o app permite ao usuário agendar e visualizar as datas e horários dos agendamentos de consultas e exames, bem como cancelar ou reagendar de forma mais rápida, caso não seja possível comparecer à Unidade Básica de Saúde.

O serviço com hora marcada também busca trazer benefícios para a gestão dos sistemas de saúde, reduzindo o índice de faltas e acabando com as filas de espera para o atendimento, afirma o governo — o modelo é semelhante ao usado nos postos Poupatempo.

“O pessoal da Prodesp aceitou o nosso desafio e tem colaborado de forma ágil e eficiente para o desenvolvimento de programas inovadores”, afirma o governador João Dória. Segundo ele, o aplicativo representa uma revolução digital no âmbito de atendimento à população.

Como usar o app

Para ter acesso ao Hora Marcada, o paciente deverá baixar o aplicativo, disponível gratuitamente na Google Play e, em breve, na Apple Store. Ele só pode ser usado por cidades que aderirem ao acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Ribeirão preto foi a primeira a aderir).

Após a instalação, é preciso preencher informações básicas como número do cartão SUS e o CPF do usuário.

O “passo a passo” para utilização pode ser consultado em http://horamarcada.saude.sp.gov.br/, onde há um vídeo tutorial e uma relação de Perguntas freqüentes para orientar a população.

Fonte: tecmundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Os 10 filmes mais pirateados da semana

Saiba quais foram os filmes mais buscados por usuários em sites de torrent Semanalmente, o…