Os Apps baixados na Google PlayStore conseguem acesso a informações pessoais e dados bancários

O laboratório dfndr, da PSafe, especializado em cibersegurança, constatou que há vários aplicativos mal-intencionados na Play Store que fingem ser atualizações do WhatsApp. Durante a instalação, o aplicativo solicita uma permissão ao usuário e depois confirma, falsamente, que a atualização foi concluída. A partir desse momento, ele pode monitorar o celular e até acessar dados bancários.

O vírus seleciona quais apps quer acompanhar e exibe uma tela falsa idêntica à do aplicativo para a vítima. Quando ela insere os dados nessa interface, os hackers veem as informações que buscam, como senhas, e dados pessoais e bancários.

Emiliano Simoni, diretor do laboratório dfndr, diz que esse é um dos aplicativos mais avançados para hackear celulares. Isso porque não apenas rouba dados, mas esconde o ícone do aplicativo para impedir que seja desinstalado.

O diretor alerta os usuários para que tenham cuidado extra. É importante que façam download de apps apenas pelas páginas oficiais da loja do Android e confiram o nome do desenvolvedor para ter certeza de que o aplicativo é verdadeiro.

Fonte: olhardigital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Piloto consegue pousar avião partido ao meio em Denver, nos EUA

Um piloto conseguiu uma façanha digna de filmes de ação na última quarta-feira (12). Ainda…