Motorola One é um smartphone não tão caro com atualizações garantidas de Android

Motorola One é o primeiro aparelho com Android One a chegar ao Brasil. Lançado nesta quinta-feira (4) com preço sugerido de R$ 1.499, ele tem hardware de celular intermediário e uma tela de 5,9 polegadas com notch, em um formato e tamanho que lembra muito um certo smartphone.

A principal característica é o fato de ele fazer parte do programa Android One, que garante atualizações de Android por dois anos e correções mensais de segurança por três anos. Isso significa que o Motorola One vai receber o Android 9.0 Pie e também o Android Q. Eu fui conhecer o produto de perto e conto minhas impressões nos próximos minutos.

Em vídeo

Primeiras impressões

O Motorola One é um típico celular intermediário de 2018: ele é bem acabado, tem uma traseira de vidro e adora impressões digitais. Goste você ou não, há um entalhe na tela para abrigar a câmera frontal e o alto-falante, mas a Motorola manteve uma espécie de “queixo” na parte inferior para estampar sua marca.

A tela é uma LCD de 5,9 polegadas com resolução HD+ (1520×720 pixels). A definição é bastante satisfatória, mas é claro que fica abaixo de alguns concorrentes do mesmo segmento, notavelmente o Zenfone Max Pro (que já entrega um painel Full HD+) e até dentro da própria Motorola: mesmo o Moto G6 tem um display com resolução melhor. As cores agradam, mas o brilho parece não ter tanta força quanto deveria.

Apesar de fazer parte do Android One, o aparelho não roda exatamente um Android puro. A Motorola inclui alguns recursos conhecidos da linha Moto, como o Moto Tela, que mostra prévias de notificações com o aparelho em standby; o Moto Ações, que permite abrir a câmera ou ligar a lanterna chacoalhando o celular; e um aplicativo da Dolby com efeitos de som.

A câmera frontal é de 8 megapixels e tem um flash LED pra tirar selfies em ambientes com pouca luz. A câmera traseira é dupla, com um sensor principal de 13 megapixels e abertura f/2,0 e um secundário de 2 megapixels. Essa câmera secundária serve para capturar retratos com fundo desfocado — e vale um teste mais aprofundado do recurso, já que alguns aparelhos da Motorola não eram bons nesse quesito.

O hardware fica dentro do esperado para um celular dessa categoria, embora decepcione devido ao Snapdragon 625, um processador com dois anos de mercado (e adotado exaustivamente por aparelhos de 2016 e 2017). Embora seja melhor que o Snapdragon 450 do Moto G6, fica a impressão de que a Motorola poderia ter caprichado mais. O conjunto é acompanhado de 4 GB de RAM, 64 GB de armazenamento com possibilidade de expansão e bateria de 3.000 mAh.

Por fim, o preço de R$ 1.499 do Motorola One me surpreendeu positivamente: esse é quase o valor do produto na Europa, onde o smartphone foi lançado por 299 euros (R$ 1.433 em conversão direta). No evento de lançamento, funcionários da Motorola negaram que esteja havendo qualquer tipo de subsídio do Google — que sediou a coletiva de imprensa em seu escritório em São Paulo.

Considerando que os preços dos smartphones aumentaram significativamente em 2018 devido à disparada do dólar e que o valor deve cair no varejo com o tempo, é provável que estejamos diante de um custo-benefício interessante no segmento de celulares intermediários.

Review completo

O review completo do Motorola One será publicado nas próximas semanas. O que você quer saber sobre ele?

Ficha técnica do Motorola One

  • Tela: 5,9 polegadas, HD+ (1520×720 pixels), 287 ppi, proporção 19:9, LCD IPS LTPS
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 625, chip gráfico Adreno 506
  • RAM: 4 GB
  • Armazenamento: 64 GB expansível por cartão microSD de até 256 GB
  • Bateria: 3.000 mAh com carregamento rápido 15 W
  • Câmera traseira dupla: sensor principal de 13 MP, pixels de 1,12 μm, autofoco por detecção de fase (PDAF), abertura f/2,0 + sensor de 2 MP para detecção de profundidade com abertura f/2,4
  • Câmera frontal: 8 MP, abertura f/2,0, pixels de 1,12 μm
  • Sistema operacional: Android 8.1 Oreo com atualização garantida para Android 9 Pie e Android Q
  • Portas: USB-C, entrada de 3,5 mm para fones de ouvido
  • Conectividade: Wi-Fi 802.11a/b/g/n dual-band, Bluetooth 4.2, NFC, localização (GPS, AGPS, GLONASS, Galileo), dual SIM
  • Sensores: leitor de digitais na traseira, acelerômetro, bússola, giroscópio, proximidade, luz ambiente
  • Dimensões: 150x72x7,97 mm, 162 gramas

Fonte: tecnoblog.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Verifique também

Top Reino Unido: Call of Duty: Black Ops 4 mantém o primeiro lugar

Soulcalibur 6 vendeu 55% menos do que o anterior. Tal como aconteceu nas últimas semanas c…