Segunda maior fabricante de smartphones do mundo e prestes a voltar ao mercado brasileiro – aparentemente de verdade, no caso –, a Huawei deve ser mais uma a entrar na tendência dos entalhes “minimalistas”. Pelo menos é isso que indicam alguns arquivos obtidos pelo site xda-developers, que divulgou algumas imagens do novo Huawei Mate 20, mais um celular chinês com câmera tripla e aquele “notch” em forma de gota no alto da tela.

O modelo será o sucessor do atual Mate 10 e deverá ser anunciado em outubro deste ano. Além do entalhe mínimo, o aparelho virá com processador Kirin 980 de fabricação da própria Huawei, acompanhado de 6 GB de RAM e 128 GB de capacidade de armazenamento em uma de suas versões. A bateria terá respeitáveis 4.200 mAh, e a tela AMOLED com “notch” será de 6,3’’.

Mantendo a proposta lançada com o P20 Pro, o Mate 20 também virá com um conjunto de três lentes na câmera traseira, mas distribuídas de forma bem diferente. Em vez de ficarem no canto, o trio de sensores ficará centralizado no topo da parte de trás do aparelho. A resolução não foi divulgada, mas é de se imaginar que ela seja um pouco menor do que a oferecida pelo detentor do título de melhor câmera do mercado, de acordo com o DxOmark.

O Huawei Mate 20 virá acompanhado ainda de um Mate 20 Lite e de um Mate 20 Pro – esse sim com câmera mais próxima da presente no P20 Pro, caso o padrão do ano passado seja mantido. Em 2017, a linha Mate 10 chegou alguns meses após a série P10, com especificações melhores e design atualizado.

O Kirin 980 nas configurações vazadas indicam que o mesmo deve acontecer neste ano, mas só saberemos em definitivo em outubro, quando a marca chinesa deve fazer o anúncio oficial dos aparelhos. Ainda não há informações sobre disponibilidade do novo modelo no Brasil.

Fonte: olhardigital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Verifique também

Smartphone dobrável da Samsung chega no primeiro semestre de 2019

Primeiro lote de smartphones terá quantidade limitada de pouco mais de um milhão de unidad…