O Battlefield V será relançado para o público no EA Play em 9 de junho de 2018. Como parte do EA Play, no entanto, é tudo sobre o modo de jogo multiplayer, que pode ser jogado ao vivo no site. Como dois dos desenvolvedores agora anunciaram, o jogo mostrado lá em muitos aspectos ainda não corresponde ao que temos que esperar do lançamento.

Os dois desenvolvedores, David Sirland e Florian Le Bihan, que recentemente trabalharam no Battlefield 1 Incursions, agora revelaram em um chat via Discord que o Gun-Play ainda não é o que será mais tarde. Em detalhe, ambos respondem ao efeito de supressão. Isso deve ser gerado no EA Play Build apenas visualmente e via áudio. Mas na versão final, deve ser “ótimo” em conformidade. Florian Le Bihan também afirma que você ainda trabalha extensivamente em todos os tópicos. Tudo o que vemos no contexto do EA Play é, na melhor das hipóteses, próximo da versão final, mas longe de uma versão final.

Em geral, o Gun-Play em Battlefield V deve se dar bem sem os constantes fatores aleatórios. Além disso, DICE reduz a dispersão dos tiros, remove o recuo visual e quer fazer as mudanças com as mudanças que cada um de seus tiros aterrissar lá onde você também aponta. Mas uma queda de balas por distâncias maiores continuará. Por isso, atirar em amigos não atingirá nada de longe.

Que a versão de pré-visualização do EA Play Event não refletirá o jogo final deve ser clara para todos. Essa compilação é criada e revisada cerca de um a dois meses antes do uso. Mudanças e melhorias geralmente não ocorrem após a criação e os testes aprovados devido a tempo e dinheiro.

Battlefield V será lançado em três datas (Fim do Acesso Premium, todas as DLCs serão gratuitas)
11 de outubro de 2018 por meio do Origin e do EA Access por um tempo limitado; R$ 47,90 por 3 meses ou R$ 109,90 por ano.
16 de outubro de 2018 para os proprietários da Deluxe Edition;R$ 279,90
19 de outubro de 2018 para os jogadores da Standard Edition. R$ 209,90

Fonte: battlefield-inside.de

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Verifique também

PSOL quer limitar encaminhamento de mensagens no WhatsApp

Segundo O Globo, o partido voltou atrás no pedido de suspensão do WhatsApp para impedir fa…