Enquanto a maioria dos jogos da Steam sofrem para vender um milhão de cópias, a PUBG Corp anunciou que baniu esse grande número de jogadores de PlayerUnknown’s Battlegrounds em janeiro por utilizarem trapaças.

O anúncio veio por meio do Twitter da BattlEye, companhia focada no combate aos cheaters do game. Segundo a empresa, “as coisas continuam aumentando”, ou seja, ainda existem muitos trapaceiros para serem expulsos.

A desenvolvedora PUBG Corp também está trabalhando em seu próximo sistema anti-trapaça e instaurando medidas mais duras para evitar trapaças no game de battle royale. Como anunciado recentemente, o jogo perdeu suporte para o Steam Family Share e editar ou deletar arquivos poderá acarretar no banimento do jogador.

Em seu blog, a desenvolvedora também anunciou que programas com acesso aos arquivos do game também não serão aceitos, como é o caso do ReShade. Em breve, jogadores com o software instalado no computador só poderão jogar quando o programa for retirado da máquina, informou a PUBG Corp.

Com quase 30 milhões de cópias vendidas no PC, PlayerUnknown’s Battlegrounds está disponível por meio da Steam e também no Xbox One.

Fonte: adrenaline via: PC Gamer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…