O diretor executivo da EA Andrew Wilson pronunciou-se sobre o sucesso implacável de PlayerUnknown’s Battlegrounds e como isso afeta o desenvolvimento de Battlefield. Wilson começa falando sobre eSports e como a audiência de jogos pode passar a atingir pessoas que ainda não joguem determinados games.

“Nós sempre acreditamos, essencialmente, que eSports resultará em imenso engajamento da nossa comunidade e nos permitirá ampliar a comunidade de espectadores que nunca jogaram nossos games antes. Ao fazê-lo, veremos um crescimento nos negócios digitais dos games, que incluiremos em eSports.

Ele continuou, explicando como esse engajamento está relacionado a PUBG e o sucesso que o game obteve: “Eu acho que o que você descobre nessa indústria é que há muitos vetores que guiam o engajamento dos jogadores. Um desses é a inovação na mecânica central de gameplay. O que a equipe fez, com PUBG, foi entregar um novo nível de inovação que muda a forma como as pessoas jogam games de tiro em primeira pessoa.”

O que isso significa para o novo Battlefield em 2018 ou até mesmo o próximo DLC de Battlefield 1 é que a EA está procurando “novos e inovadores jeitos de jogar”, mas Wilson reforça que “isso não significa cópias de PUBG dentro do universo Battlefield, mas as nossas equipes estão procurando formas de inovar todo o game, incluindo o gameplay e o design de mapas”.

PlayerUnknown’s Battlegrounds constantemente quebra recordes no PC, e recentemente chegou ao Xbox, onde já juntou mais de quatro milhões de jogadores. Não é surpresa que a EA se interesse em alcançar tais números, especialmente após as vendas de Star Wars Battlefront II não atingirem a expectativa.

Fonte: br.ign

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Verifique também

Gamer sem perder a sofrência! Marília Mendonça está viciada em PUBG

A rainha da sofrência e artista musical mais ouvida no Brasil cansou de sofrer só no amor,…