GPU suporta a tecnologia Nvidia Ansel e promete ter desempenho consistente.

Geralmente, as placas de vídeo top de linha possuem dimensões generosas e, como consequência, pode ser complicado utilizá-las em gabinetes mini tower. Para resolver este problema, a Gigabyte anunciou recentemente a GeForce GTX 1080 Mini (modelo GV-N1080IX-8GD), que promete ser a menor GPU do mundo.

Apesar de possuir apenas 169 mm de comprimento, ela não decepciona na performance. De fábrica, o equipamento traz um hardware similar ao modelo de referência da Nvidia, com exatos 1607 MHz de clock base e 1733 MHz em Boost. Porém, o modo OC permite que a placa alcance aproximadamente 1771 MHz.
Além disso, são 8 GB de memória GDDR5X operando a 10 GHz, 2.560 núcleos CUDA e suporte à tecnologia Nvidia Ansel, para que o usuário capture imagens em 360 graus. O resfriamento fica por conta de apenas um fan (ou ventoinha) de 90 mm e tubos de cobre com transferência de calor entre duas interfaces sólidas.
Gigabyte GTX 1080 Mini possui 8 GB de memória dedicada (Foto: Divulgação/Gigabyte)

Um ponto que chama atenção é o fato da GPU suportar o sistema AORUS Graphics Engine. Basicamente, este software permite que o usuário realize overclock de forma fácil e eficaz, extraindo o máximo de desempenho, sem precisar de conhecimentos específicos.

Gigabyte GTX 1080 Mini suporta quatro monitores ao mesmo tempo (Foto: Divulgação/Gigabyte)

As portas DVI, DisplayPort 1.4 e HDMI 2.0 permitem conectar até quatro monitores simultaneamente com resolução somada de 7680×4320 pixels. Infelizmente, a empresa não informou o preço nem data prevista para a GPU chegar ao mercado.

Fonte: techtudo via Gigabyte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

China proíbe menores de 18 anos de jogar videogame por mais de 3h semanais.

Jovens chineses só podem jogar aos finais de semana e feriados, entre 20h e 21h, e precisa…