Um dos assuntos mais comentados no ataque de ransomware do WannaCry que quase parou o mundo na semana passada foi a quantidade de computadores não atualizados que a maioria das instituições e empresas ainda deveriam estar usando ao redor do mundo. Aparentemente, no entanto, a quantidade de sistemas usando ainda o Windows XP afetados pelo ransomware pode ser considerada insignificante, segundo analistas da Kaspersky:

O Windows 7 foi de longe o mais atingido, num total de aproximadamente 98% dos sistemas afetados. O sistema ainda recebe suporte da Microsoft e recebeu o patch que protege contra o WannaCry via Windows Update, indicando que a maioria dos usuário atualiza para novas versões do sistema operacional, mas não faz as atualizações de segurança necessárias.

O somatório dos usuários dos sistemas não suportados não soma 2%, mas foi o bastante para incentivar a Microsoft a lançar um patch para eles mesmo com o suporte encerrado. A acusação de que este patch já existia desde o início do ano agora perde um pouco do seu impacto com tão poucos computadores afetados.

Fonte: adrenaline via Neowin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

YouTube lança plataforma de vídeos curtos para competir com TikTok

Em fase de testes, YouTube Shorts está disponível somente para usuários de Android na Índi…