Battlefield 1 é um sucesso com os jogadores. Mais de 19 milhões de jogadores, para ser preciso.

O grande número foi anunciado pela Electronic Arts ontem (09/05) em seu último relatório financeiro para o ano fiscal que termina em 31 de março de 2017. De acordo com o relatório, nessa data, Battlefield 1 tinha mais de 19 milhões de jogadores a aderir ao jogo.

Isso é um aumento de 50% sobre o Battlefield 4 no período comparável, disse a empresa.

Financeiramente a EA está indo muito bem este ano, apesar do novo título da Bioware ter sido adiado, os números das franquias já existentes são o suficiente. Battlefield 1, por exemplo, pode celebrar o aumento em 50% dos jogadores desde o seu lançamento.

Isso é aproximadamente 19 milhões de jogadores. Em comparação, o número de pessoas que morreram nas trincheiras e nos campos de batalha durante a I Guerra Mundial foi 17 milhões, ou seja, apenas 2 milhões a menos. É claro que isso é apenas uma coincidência.

O restante da conferência com os investidores da EA foi menos dramática, Titanfall 2 fez “menos do que o esperado”, o que já era visto devido a sua janela de lançamento e a controvérsia entre os desenvolvedores e a distribuidora. E o vencedor dessa vez foi o FIFA 17:

FIFA 17 foi o jogo mais vendido para consoles do mundo inteiro durante 2016, com mais de 10 milhões de jogadores terem experimentado o modo singleplayer, A Jornada.

O lucro total deste ano para a Electronic Arts foi de U$ 1,4 bilhões. A EA está muito bem no mercado, obviamente, cobrando um preço salgado aqui no Brasil, não poderia estar melhor, não é mesmo?

Para mais informações sobre Battlefield 1 e outros jogos da série fique ligado no nosso site e nas redes sociais.

Fonte: vg247

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Feliz aniversário S0ST1N3S

Hoje é um dia muito especial, para você e para todos nós também, pois apenas desejamos o s…