Nick Mead e Todd Chamberlain administram a Tanks-a-Lot, empresa em Helmdon (Inglaterra) que compra blindados fora de atividade e os reforma. Estão acostumados a buscar preciosidades.

Eles só não esperavam encontrar uma outra preciosidade ao adquirir por cerca de R$ 117 mil um tanque russo T54/69 para a coleção de mais de 150 veículos militares.

Quando restauravam o blindado, a dupla foi verificar se havia munição no tanque de combustível. Não havia. Havia, na verdade, em vez de diesel, cinco barras de ouro (cada uma pesando 5 quilos), avaliadas em R$ 7,8 milhões.

Os ingleses acreditam que as barras tenha sido saqueadas por militares iraquianos de algum palácio durante a invasão do Kuwait, que deu origem à Guerra do Golfo, em 1990. O tanque foi capturado pelas forças britânicas e enviado para o Reino Unido.

Nick e Todd entregaram o ouro à polícia, contou o “Sun”. Ficaram apenas com um recibo emitido pela força policial. O destino do ouro foi um depósito em Londres.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Viciado em videogame, adolescente é encontrado morto após maratona online

Viciado em games online, o adolescente Piyawat Harikun, de 17 anos, resolveu aproveitar o …