De acordo com os termos de serviço do Google, se você for menor de 13 anos, não pode criar uma conta para acessar os serviços da empresa. Tá, a gente sabe que isso não é muito seguido, mas o buscador quer permitir que crianças usem esses serviços sem a atividade delas sair do controle dos pais.

Por meio de um aplicativo, batizado de Family Link, os pais podem criar uma conta do Google para os seus filhos e gerenciar o que eles estão fazendo. Ele serve justamente para essas crianças menores de 13 anos que estão enchendo o saco pedindo carinhosamente para ter um celular, mas os pais não querem que o uso saia do controle.

Os pais conseguem aprovar ou negar o download de um aplicativo, bloquear o celular na hora de dormir ou colocar um limite de uso para as crianças largarem o smartphone e irem fazer outra coisa, como estudar. Fora isso, o app mostra aos pais quanto tempo a tela ficou ligada e em quais aplicativos, além de dar um relatório mensal e semanal da atividade da criança no smartphone.

Por enquanto, o Family Link está restrito aos Estados Unidos e funciona apenas no Android 7.0 Nougat e em certos dispositivos selecionados que ainda rodam o Marshmallow. Quem se encaixa nos requisitos acima pode acessar esta página para pedir um convite ao Family Link.

Fonte: tecnoblog via blog.google

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

China proíbe menores de 18 anos de jogar videogame por mais de 3h semanais.

Jovens chineses só podem jogar aos finais de semana e feriados, entre 20h e 21h, e precisa…