Um Lamborghini Murcielago, avaliado em R$ 1,2 milhão (no mercado europeu), foi destruído pelo imenso braço mecânico de um guindaste em Taiwan. A ação foi ordenada por autoridades locais já que o o supercarro italiano havia sido importado ilegalmente.

A destruição pôs fim a uma batalha legal de três anos para poupar o veículo, de acordo com o “Sun”.

Em apenas três minutos, o carrão esportivo, um dos mais cobiçados do mundo, ficou irreconhecível.

Como, de acordo com a lei do país asiático, nenhuma parte do carro pode ser revendida, todas as peças foram destruídas.

Fanáticos por carros mundo afora lamentaram a cena.

“Oh! É muito duro assistir a isso!!!”, desabafou Frank Strallent no Twitter.

Assista abaixo:

Fonte: pagenotfound

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Autoridades de Hong Kong apreendem mais de 300 placas de vídeo para mineração

As GPUs encontradas são do modelo Nvidia CMP 30HX e pertenceriam a contrabandistas chinese…