As redes sociais da web chinesa foram fortemente agitadas por causa de uma mulher, vista fazendo compras seminua em uma filial da gigante Ikea, lojas para artigos domésticos, em Pequim (China).

Usando apenas uma blusa cinza, a mulher chamou mais atenção ao ser fotografada na seção dedicada a camas.

A polícia de Pequim localizou o responsável pela publicação das “perturbadoras” fotosna rede Weibo e o obrigou a apagá-las imediatamente, de acordo com o site “ShanghaiIst”.

“Não entendo por que uma jovem faz algo tão ultrajante assim. Ela não tem respeito por si mesma?”, escreveu um usuário da rede.

Algumas pessoas acreditam que a mulher tenha sido contratada para promover a Ikea. A empresa publicou uma nota em que nega qualquer envolvimento.

Em nota, a Ikea prega a 'moralidade social'
Fonte:  pagenotfound

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Autoridades de Hong Kong apreendem mais de 300 placas de vídeo para mineração

As GPUs encontradas são do modelo Nvidia CMP 30HX e pertenceriam a contrabandistas chinese…