Mais especificamente, a empresa cancelou a produção dos processadores Atom “Sofia” e “Broxton”. Estes chips eram voltados para smartphones e tablets.

A Intel informou que pretende se focar em áreas que estão apresentando grande crescimento ao invés de apostar nos smartphones. A empresa deve se focar particularmente na nuvem, Internet das Coisas (IoT ou Internet of Things), 5G, memória e produtos para datacenters.

A mudança de foco para dispositivos conectados faz muito sentido. A Internet das Coisas ainda está em sua infância e é algo que se tornará muito grande.

A decisão de se focar em 5G mostra que a Intel está pensando no futuro. Quando a tecnologia estiver completamente disponível, ela estará presente nas casas e em uma grande variedade de dispositivos que requerem conectividade e taxa de transmissão de dados mais rápida.

Diferente do que outras fontes informaram, os processadores da linha Atom “Cherry Trail” não serão descontinuados. A Intel continuará oferecendo os processadores Atom x5 e x7 “Cherry Trail”.

Fonte:  baboo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Steam fica fora do ar e apresenta problemas pela segunda vez na semana

Após revogar jogos comprados na terça, loja teve apagão global nesta quarta A vida de algu…