Apenas sabe que os jogadores vão jogar COD.

Rob Kostich, vice presidente executivo da Activivision e gestor geral da série Call of Duty, disse à Forbes que este foi o momento ideal para lançar Call of Duty: Modern Warfare Remastered, depois dos pedidos dos fãs, e que não se importa que o jogo seja mais popular que o novo Call of Duty: Infinite Warfare.

“Ouvimos a comunidade em alto e bom som nestes últimos anos. Acreditamos que seria o momento perfeito para celebrar Call of Duty e a comunidade, para onde vamos e onde estivemos reunidos num só pacote. Em termos da oferta em si, e do valor dela, penso que o que estamos a dar à comunidade este ano não tem precedentes na história de Call of Duty,” disse Kostich.

O remaster do clássico do Infinity Ward está a conquistar tamanha popularidade que começa a erguer-se acima do controverso Infinite Warfare, que está a ser criticado pelo seu ambiente futurista e especial. No entanto, Kostich não se preocupa com isso pois sabe que no final do ano, os jogadores estarão a jogar Call of Duty.

“É importante ser autêntico quanto ao que os fãs querem. Estamos entusiasmados pois vão estar a jogar muito Call of Duty este ano,” disse Kostich sobre a possibilidade de Modern Warfare recuperar o seu estatuto como um dos jogos mais jogados nos serviços online.

Dave Stohl, responsável pelo Infinity Ward, acrescentou que, “Se pensares nisso, estão a coçar dois tipos de comichão. Vais coçar aquela mais nostálgica com o remaster de Modern Warfare, mas também terás todas as coisas novas e fixes com Infinite Warfare. Obviamente que a experiência Infinite Warfare é enorme com toda a pompa e circunstância, mas será divertido voltar ao multijogador de Modern Warfare.”

Fonte:  eurogamer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Call of Duty: Black Ops Cold War e Call of Duty: Modern Warfare foram os jogos mais vendidos de 2020 nos EUA

Domínio da Activision Blizzard mostra o quanto Call of Duty é a franquia de jogos mais for…