Um dia depois do naufrágio trágico do Titanic, o maître do barco Prinz Adalbert, que navegava pela área, tirou uma foto do iceberg com o qual o transatlântico teria supostamente se chocado, no Atlântico Norte.
Segundo o autor da fotografia, a captura foi feita quando ainda não se sabia nada sobre a tragédia. Ele disse que chamou sua atenção a mancha de pintura vermelha que o iceberg apresentava, como se um barco tivesse acabado de raspar nele.

A foto foi exibida por décadas nas paredes de um escritório de advocacia, que representava os proprietários do Titanic, a empresa White Star Line. Após seu fechamento, em 2002, os sócios decidiram leiloá-la, junto com uma nota.

A nota diz o seguinte: “Um dia depois do naufrágio do Titanic, o barco a vapor Prinz Adalbert passou pelo iceberg que é mostrado nesta fotografia. Ainda desconhecíamos o desastre do Titanic. Em um dos lados (do iceberg), a pintura vermelha estava claramente visível e parecia ser resultado do atrito de uma embarcação com o iceberg. SS Prinz Adalbert Hamburg America Line”.

Embora não existam provas que revelem se, de fato, a foto mostra o iceberg com o qual o Titanic se chocou, a verdade é que seu leilão, realizado na Inglaterra, teve uma base de US$ 23.200.

O Titanic afundou entre a noite do dia 14 e a manhã do dia 15 de abril de 1912

Fonte: seuhistory via observador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Magazine Luiza anuncia compra do Jovem Nerd e entra no mundo da cultura pop

O Magalu anunciou nesta quarta-feira (14) a aquisição do Jovem Nerd, uma das maiores plata…