Usuários do sistema do Google são mais fiéis que os donos de iPhones. Quem têm celular mais caro tende a continuar usando o mesmo sistema.

Com eles, não tem essa de trocar um smarphone de R$ 1 mil por dois de R$ 500. Na hora de trocar de aparelho, os donos de celulares Android e iOS são fiéis aos sistemas operacionais, enquanto os que têm aparelhos Windows pulam a cerca quando o dispositivo antigo já não é mais aquele, aponta pesquisa realizada pela Ericsson.

Os smartphones já estão associados a 45% das 7,3 bilhões de assinaturas móveis no mundo – além deles, há os “feature phones”, aparelhos simples que até se conectam à internet, mas não têm sistema operacional nem baixam apps.

A lealdade entre usuários de Android e iOS é de 80%, segundo o “Mobility Report”. Ou seja, a cada cinco pessoas que precisam escolher um novo aparelho com esses sistemas, quatro preferem um modelo que rode o mesmo sistema. Assim, podem preservar a mesma forma de uso e navegação.

Ainda assim, entre os adeptos dos sistemas operacionais de Google e Apple, os níveis de lealdade são diferentes. Entre usuários de Android, 82% voltam a usar um smartphone da marca. Entre os do iOS, o percentual é de 73%.

Infiéis
O quadro é inverso entre as pessoas que possuem celular com Windows, da Microsoft: somente 20% voltam ao aparelho. A maioria debanda para Android (60%) e iOS (15%). O restante se refugia em outros sistemas como Blackberry e Firefox OS.

Outro fator responsável pelo aumento da fidelidade é o valor do smartphone utilizado, aponta a pesquisa. Isso porque donos de celulares caros tendem a comprar uma nova versão do mesmo modelo, o que não ocorre entre as pessoas que possuem aparelhos mais baratos.

Isso ajuda a explicar porque a Apple bateu recorde de venda de celulares na estreia dos novos iPhone 6s e 6s plus, a despeito do preço – é vendido a US$ 750 nos EUA, mas chegou por R$ 4 mil no Brasil. Em setembro, no primeiro fim de semana de vendas, foram mais de 13 milhões de unidades saídas das lojas de 12 países.

iOS
Não é somente o lançamento de um novo aparelho que movimenta as máquinas registradoras da Apple. O estudo da Ericsson mostra que a liberação da atualização anual do iOS também motiva a troca de aparelhos. Isso ocorre porque cada nova versão do sistema torna obsoleta toda uma geração de iPhones.

De acordo com a pesquisa, duas semanas após a liberação de um novo iOS, o nível de lealdade entre donos de iPhones salta para 93%. A novidade tem poder até de seduzir os donos de Android mais fiéis: a quantidade de traidores do sistema do Google que fazem do iPhone seu novo amor dobra nesse período.

De casa nova, os donos de aparelhos intensificam a decoração e gasto com novos apetrechos. Segundo a Ericsson, o consumo de dados cresce entre 20% e 45% após a troca de smartphone. Até uma semana após a compra, o download de software chega a ser responsável por até 40% do gasto do pacote de dados. Depois disso, o consumo de vídeos assume o primeiro lugar.

Fonte:  tecnologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…