O lançamento dos novos Lumias, que deve acontecer na próxima terça-feira, 6, em Nova York, nos Estados Unidos, pode marcar um novo posicionamento da Microsoft no segmento de smartphones. Há alguns anos a empresa compete com grandes fabricantes como a Apple e a Samsung no mercado geral. Mas o resultado não tem sido bom para a fabricante, que apresenta índices de vendas cada vez mais baixos.

Com a mudança, a Microsoft deve se posicionar nos nichos da área, como o mercado corporativo, para garantir sua sobrevivência. Em julho deste ano, o CEO da companhia, Satya Nadella, afirmou que a empresa passaria a operar “de forma mais eficaz e eficiente com um portfólio de smartphones mais focado”.

O principal ponto forte do Lumia 950 e do Lumia 950 XL deve ser a versão móvel do Windows 10, sistema operacional da Microsoft que deve, pela primeira vez, integrar completamente PCs e dispositivos móveis.

Novas metas
Como parte da nova estratégia, a Microsoft está também revendo sua estimativa de participação do mercado de smartphones. Em 2014, a meta era deter 15% do mercado em 4 anos. Um ano depois, fontes afirmam que a porcentagem foi revista.

Reprodução
De acordo com uma estimativa da consultoria IDC, em 2015, a previsão é de que a empresa detenha apenas 3% do mercado de smartphones.

Fonte:  olhardigital via Wall Street Journal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Sony decide fechar fábrica em Manaus e parar de vender TVs e câmeras no país

Assista vídeo da CNN https://www.cnnbrasil.com.br/business/2020/09/15/sony-decide-fechar-f…