Isso aconteceu lá do outro lado do mundo! Um japonês com apelido de Wanikun afirma em seu twitter que deixou seu Super Famicom, que é o nome do console no mercado asiático, ligado por vinte anos para não perder o save do jogo Umihara Kawase.

O motivo para esta “loucura” é que o game usava uma bateria de íon-lítio com memória tipo SRAM, que tinha o problema de apagar o jogo salvo caso você ficasse muito tempo sem jogá-lo. Quem deve estar na casa dos vinte ou trinta anos deve lembrar que isso acontecia volta e meia com seus cartuchos.

Segundo ele, ao longo de todo este tempo não houve queda de energia em sua cidade. No entanto, ele teve que desligar o console uma única vez quando mudou de casa, mas o pouco tempo que ficou desligado não afetou a bateria do cartucho. Por fim, ele ainda resolveu comprar o remake do game lançado para PSP.

Umihara Kawase? Que jogo é esse?

O jogo em questão é do gênero plataforma lançado no natal de 1994, e ficou exclusivo no Japão. A protagonista é uma garota de 19 anos que tem o mesmo nome que o jogo, e ela deve encontrar o caminho para casa por ter se perdido num mundo com criaturas mutantes.

Foi desenvolvido de modo independente por alguns entusiastas do mundo dos games, e alcançou sucesso o suficiente para render uma série. O último game, intitulado “Sayonara Umihara Kawase”, foi o único lançado no mercado ocidental em mídia digital pela Playstation Network em 2013.

Fonte:  epicplay

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

TV 8K da Sony ‘ideal para PS5’ chega ao Brasil com 75″ e preço de carro

Modelo já está disponível para comprar no site oficial da marca A Sony começa a vender a n…