A Microsoft segurou a informação até o último minuto, mas finalmente revelou quanto vai custar a licença para o Windows 10 para quem não for elegível para o upgrade grátis. A nova versão do sistema operacional chega ao país custando R$ 330 na versão Home e R$ 560 na versão PRO.

No varejo, são oferecidas as versões em DVD ou por meio de pendrives, para a nova leva de notebooks que não têm mais com unidades ópticas para leitura de discos. Não há diferença de preço.

Curiosamente, o novo Windows custa mais barato do que a versão anterior, mas não muito. O Windows 8.1 era vendido pela Microsoft por R$ 360 para usuários domésticos, enquanto a versão PRO custava R$ 610.

O Windows 10 foi lançado nesta quarta-feira, 29, em 190 países. Boa parte dos usuários poderá migrar para o sistema gratuitamente, desde que usem uma versão legítima do Windows 7 ou 8.1 e tenham um computador compatível. Se você não está recebendo a notificação para fazer a atualização, clique aqui para ver como instalá-lo imediatamente.

Fonte:  olhardigital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Trabalhadores dos Correios prometem greve contra projeto de privatização da estatal

Funcionários dos Correios estão organizando a realização de uma greve para manifestar o po…