Uma artista e professora universitária da Chapman University (Califórnia, EUA) que arrumou problema com os administradores de redes sociais na internet por postar fotos de mulheres seminuas criou uma forma de driblar a censura, principalmente no Instagram. O artifício se tornou viral.

Micol Hebron recortou um mamilo masculino para ser colado sobre os mamilos femininos expostos nas fotos publicadas nas redes.

A ideia surgiu no ano passado, mas só agora caiu no gosto popular.

“Postei imagem de um mamilo de homem e disse a todos para o colarem sobre os mamilos femininos em imagens para deixá-las aceitáveis na internet”, disse Micol, de acordo com o “Mirror”.

A internet curtiu:

Reprodução/Instagram(nipple313)

Reprodução/Instagram(siribifaller)

Reprodução/Instagram(chale_sf415)

A ideia de Micol faz coro a movimentos como o Free the Nipple, que luta pela igualdade de exposição pública dos mamilos dos dois sexos.

Fonte:  pagenotfound

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Autoridades de Hong Kong apreendem mais de 300 placas de vídeo para mineração

As GPUs encontradas são do modelo Nvidia CMP 30HX e pertenceriam a contrabandistas chinese…