Como consequência da polêmica gerada em torno da maneira incomum como a Nvidia projetou a alocação de memória da GTX 970, lojas de varejo da Europa estão recebendo pedidos de devolução de modelos funcionais da placa de vídeo por causa de “propaganda enganosa”.

Entre elas está a Caseking.de, uma das maiores varejistas de hardware da Alemanha. Em entrevista ao site alemão Heise.de, representantes da rede disseram não ter recebido nenhuma explicação por parte da Nvidia para dar aos consumidores

Já o site TechPowerUp noticia que os parceiros add-in card (AIC) também reclamam da mesma situação. Para completar, um dos AICs disse ao site que, no momento, a Nvidia não tem nenhum plano de ação global para lidar com um grande número de pedidos de reembolso.

As apostas da Nvidia, por enquanto, estão num novo driver, que será lançado em breve. A empresa promete que ele vai trazer otimizações na alocação de memória da GTX 970, ponto de partida para toda essa polêmica.

Enquanto isso não acontece, especula-se até que pode se iniciar uma corrente de processos, com consumidores processando as lojas, que então processam as AICs e que, por sua vez, processam a Nvidia.

Fonte:  adrenaline

Um comentário

  1. […] a polêmica envolvendo a GTX 970 (aqui) tomando proporções muito maiores do que a Nvidia gostaria a chefia veio a campo para tentar […]

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…