A segunda quinta-feira deste ano já se tornou um dia ser lembrado com pesar depois do massacre que tirou a vida de 12 pessoas na sede da Charlie Hebdo, revista satírica francesa famosa pelas suas charges polêmicas. A publicação, que não é das maiores, vem então recebido doações a fim de responder à violência com uma edição gigante de 1 milhão de cópias. O Google faz agora parte dos doadores, com € 250.000 (R$ 788.000).

Além da Google, a revista também vai receber doações do governo francês (cerca de US$ 1,2 milhão) e do Guardian Media Group (US$ 150.000). O Le Monde estaria trabalhando em fazer uma doação equivalente à da Google.

O desafio da Charlie Hebdo em imprimir 1 milhão de cópias neste momento é ainda maior quando levada em consideração a tiragem normal da revista, que é de 60.000 exemplares.

Fonte:  adrenaline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Piloto consegue pousar avião partido ao meio em Denver, nos EUA

Um piloto conseguiu uma façanha digna de filmes de ação na última quarta-feira (12). Ainda…