Com apenas uma semana para o lançamento de Call of Duty: Advanced Warfare que será dia 3 de novembro (através da Day Zero Edition), imagens do game de tiro da Sledgehammer Games surgem na internet, o usuário do Twitch, Anfuny29 (como relatado por MP1st) transmitiu Advanced Warfare a partir de uma cópia adiantada do próximo shooter da Actvision.

O stream (e o canal, também) foram rapidamente encerrados, mas não antes de novas características da jogabilidade, como uma “bomba de DNA” que alcança uma super pontuação serem revelados. Se você conseguir acumular 30 vítimas em uma vida, você vai ativar a bomba que vai deixar para trás uma “névoa verde” que se espalha por todo o mapa antes de se dissipar. Efeitos da névoa são desconhecidos, mas provavelmente terá um efeito negativo sobre seus inimigos.Call-Of-Duty-Advanced-Warfare--Cd-Cover

Não está claro como o usuário do Twitch foi capaz de obter uma cópia do jogo antes de seu lançamento ou se a publisher de Advanced Warfare, a Activision, planeja exercer qualquer ação legal contra o streamer.

Vazamentos não são nenhuma novidade para videogames, é claro, mas as imagens que apareceram no Twitch no fim de semana foi a partir de uma versão “roubada” do jogo, de acordo com o co-fundador do estúdio Glen Schofield.

Schofield falou sobre isso no Twitter.

Um dos seguidores de Schofield respondeu dizendo que Sledgehammer é responsável pelos níveis de massa de publicidade em torno de Call of Duty: Advanced Warfare, e que o vazamento realmente ajuda os jogadores a obter informações sobre o jogo. Schofield respondeu:

“Eu percebo isso, mas roubar e liberar não é a resposta.”

O vazamento é particularmente um problema, Schofield acrescentou, porque “descobrir enquanto joga é parte da diversão”. Embora ele parecesse chateado com o vazamento, ele também está levando tudo na esportiva. Afinal, este não é o primeiro caso de vazamento de um game que ele enfrenta. “Tudo vai ser bom, apenas dizendo”, Schofield concluiu.

Fonte:  tribogamer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Beeper promete unir WhatsApp, Telegram e mais apps em um só

Por US$ 10 mensais, Beeper se propõe a fazer uma ponte para centralizar contas de 15 aplic…