Uma das principais dificuldades encontradas na hora de trocar de smartphone é a presença de três diferentes modelos de chip de celular: Mini-SIM, Micro-SIM e Nano-SIM. Com tantos modelos diferentes, é bem possível que na hora da troca também seja necessário substituir o chip. A Oi quer resolver esse problema com seu novo padrão de SIM cards de triplo corte.

O chip, desenvolvido pela Oberthur Technologies, é destacável e reacoplável: se você tiver um smartphone com slot para Nano-SIM e depois comprar um com Micro-SIM, por exemplo, basta reacoplar a menor parte no padrão de Micro-SIM. Isso evita com que o cliente se dirija até a loja da operadora apenas para adquirir um novo SIM card.

Outro benefício do chip de triplo corte é que ele é compatível com qualquer aparelho GSM disponível no mercado, desde os feature phones que ainda utilizam Mini SIM até os novos iPhones e Moto X. Em 2013, a Oi lançou um chip de duplo corte, que trazia os formatos Mini-SIM e Micro-SIM. A Claro também possui um modelo de duplo corte, mas por enquanto é restrito para algumas localidades.

Os chips estarão inicialmente disponíveis para clientes do plano para jovens Oi Galera dos estados de São Paulo e Rio de Janeiro. É de se esperar que a operadora futuramente estenda a novidade para clientes de outros planos. A PT, operadora irmã da Oi que opera em Portugal, também está lançando o chip de triplo corte para seus clientes, em uma ação simultânea com a operadora brasileira.

Fonte: tecnoblog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Demanda por GPUs para mineração de Ethereum caiu, segundo fabricante ASRock

Repressão no mercado chinês está sendo sentido O crash das criptomoedas em maio e a repres…