A pessoa que seria responsável pela divulgação de fotos íntimas da atriz Jennifer Lawrence e de mais 100 famosas – incluindo Rihanna, Selena Gomez, Kate Upton e Kirsten Dunst – disse que não é “um hacker, só um colecionador”. Este foi o primeiro pronunciamento do suposto divulgador das imagens desde que o caso veio à tona.

De acordo com o tabloide britânico Daily Mirror, o usuário fez um post no 4chan – fórum no qual as imagens foram compartilhadas – comentando o caso e dizendo que negociações em dinheiro foram feitas em torno das imagens. Apesar de o fórum ser anônimo, é possível saber que a pessoa é a mesma que divulgou as fotos por causa do ID (número de identificação do usuário) que aparece no site.

“Eu não peguei o dinheiro e fugi”, escreveu o internauta. “As coisas ficaram estranhas quando comecei a postar amostras. As pessoas queriam tudo de graça. Eu ganhei US$ 120 na minha conta de bitcoins, mas quando você pensa em quanto tempo foi empregado em adquirir este material (eu não sou o hacker, só um colecionador), e o dinheiro (eu paguei muito via bitcoin para conseguir certas coleções quando elas começaram a ser comercializadas em particular na sexta e no sábado), eu realmente não cheguei nem perto do que estava esperando.”

Bitcoin é uma moeda digital que não é regulada por nenhuma autoridade monetária. Ela possibilita transações anônimas e, por isso, pode trazer dificuldades no rastreamento de quem a usa para fins ilegais.

Caso a versão do usuário seja a verdadeira, a polícia terá que investigar não só a identidade dele, por ter divulgado as fotos, como também a do verdadeiro hacker que conseguiu as imagens de maneira ilegal.

Post anônimo feito pela pessoa supostamente responsável pelo vazamento de fotos íntimas de Jennifer Lawrence e de outras famosas

Entenda o caso

Uma série de fotos íntimas da atriz Jennifer Lawrence e de outras famosas foram publicadas na internet no domingo. As imagens começaram a ser divulgadas após o acesso ilegal a contas de armazenamento de dados na nuvem iCloud, segundo o site Mashable e o Buzzfeed. 101 famosas teriam sido afetadas, de acordo com uma lista postada online.

Segundo informações da revista “Variety”, um representante de Lawrence confirmou a autenticidade das imagens e emitiu um comunicado chamando a divulgação das mesmas de “uma flagrante violação de privacidade”. “As autoridades foram acionadas e vão processar qualquer um que publicar as fotos roubadas de Jennifer Lawrence”, afirmou.

“É tão estranho e duro como as pessoas tiram a sua privacidade”, disse Lawrence no Twitter, segundo informações da agência AFP.

A atriz Mary Elizabeth Winstead (de “Scott Pilgrim Contra o Mundo”), outra celebridade que teve fotos pessoais vazadas, pronunciou-se sobre o caso no Twitter. “A todos vocês que estão olhando as fotos que tirei com o meu marido anos atrás, na privacidade da minha casa, espero que vocês se sintam ótimos. Sabendo que essas fotos foram deletadas há muito tempo, eu imagino o esforço assustador empregado nisso. Sentindo muito por todas que foram hackeadas”, escreveu.

A modelo Kate Upton também se pronunciou, por meio de seu advogado. “Essa é obviamente uma violação absurda da privacidade da nossa cliente, Kate Upton. Nós pretendemos ir atrás de qualquer um disseminando ou duplicando essas imagens obtidas de forma ilegal”, afirmou Lawrence Shire à revista “Us Weekly”.

Nem todas as fotos, porém, tiveram a autenticidade confirmada. A atriz Victoria Justice, da série “Victorious”, negou que suas imagens fossem reais. ”Essas supostas fotos de mim nua são falsas”, escreveu no Twitter.

Fonte: celebridades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Feliz aniversário NAGEL

Brother, desejamos tudo de bom pra uma pessoa querida como você! Muita saúde, paz, família…