Uma das críticas dos títulos “cross-gen”, isto é, aqueles que literalmente “cruzam” gerações e saem para todas as plataformas (anteriores e novas), é que os jogos ficam “capados” e não são puramente desenvolvidos para as novas arquiteturas. Não é o caso do recém-anunciado Call of Duty: Advanced Warfare, o qual, segundo a Activision, é um game “puramente voltado para a nova geração”.

Quem explicou esse valioso detalhe foi Eric Hirshberg, CEO da companhia, durante uma conferência sobre o game realizada recentemente na Terra do Tio Sam. “Call of Duty: Advanced Warfare é nosso verdadeiro título next-gen, puramente desenvolvido para os novos hardwares, diferentemente de Ghosts, que foi um cross-gen. Isso permitiu que pudéssemos ter mais tempo para experimentação no processo de desenvolvimento”, explicou o executivo.

“Uma nova era para a franquia”

As renderizações (pré-prontas ou em tempo real) são um aspecto “altamente detalhado” em todos os elementos do game, com zilhões de efeitos de partículas e shaders aos montes. Tudo isso, segundo a Activision, deve ser aliado a uma narrativa “intrínseca” e “envolvente”, algo que deve ser fortalecido graças à presença do ator Kevin Spacey no papel do vilão.

Prova desse visual ousado, segundo a Activision, é a imagem de um soldado que a desenvolvedora utilizou para divulgação:

A Sledgehammer e a própria Activision definem Advanced Warfare como uma “nova era” para Call of Duty. O hotsite do game tem milhares de elementos brotando na tela.

Hirshberg destacou as novas mecânicas e o fator gameplay absolutamente elevado graças às robustas configurações. “[As novas arquiteturas] permitem acrescentar algumas das novas mecânicas de gameplay na franquia como não fazíamos há muito tempo – coisas como pulos aprimorados, novas mecânicas de golpes corpo a corpo, elementos que pudemos testar com nossos jogadores [testers] para assegurar que a jogabilidade seja balanceada e responsiva”, acrescentou.

As habilidades da armadura EXO, que deve apimentar a forma de jogar e trazer mais dinamismo a gestos, devem incluir técnicas de esquiva, câmera lenta, possibilidade de lançar um gancho e se deslocar até pontos altos, utilizar zip lines e outras coisas. Qualquer semelhança com Titanfall é mera coincidência.

A importância de Kevin Spacey

Os tiroteios frenéticos terão o charme de ninguém menos que o icônico ator Kevin Spacey, vilão de Advanced Warfare que, assim espera a Activision, deve trazer outro ar ao game. “A performance do ator foi absolutamente capturada com a nova tecnologia [de captura] proprietária da Activision revelada ano passado na GDC”, complementou Hirshberg.

 http://www.youtube.com/watch?v=sFu5qXMuaJU

Os três anos de desenvolvimento pelas mãos da Sledgehammer, período que marca um recorde em projetos da Activision, também foram importantes para dar mais ênfase na construção da história e dos personagens, com “foco total” na nova geração. “[Esse tempo] permitiu que tivéssemos mais ênfase na história e nos personagens. (…) Esperamos que esse vilão, interpretado pelo Kevin Spacey, se torne icônico em breve”, concluiu o chefão da Activision.

Nunca é demais lembrar que a Sledgehammer não ficou a cargo das versões de Advanced Warfare para PS3 e Xbox 360. Ainda não se sabe qual desenvolvedora está com a tarefa nas mãos.

Call of Duty: Advanced Warfare será lançado para PlayStation 4, Xbox One, PlayStation 3, Xbox 360 e PC no final deste ano.

Fonte: baixakijogos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…