Usuários brasileiros do Viber agora podem ligar gratuitamente para telefones fixos e celulares nos Estados Unidos por meio do aplicativo, que é gratuito. Segundo o CEO da empresa, Talmon Marco, a novidade é um “presente” em função do crescimento da plataforma no país.

“Ampliando a gratuidade, possibilitaremos que muitas pessoas falem com seus parentes e amigos que moram nos EUA à vontade. Além disso, os turistas com viagem programada poderão falar com hotéis, confirmar passeios, e empresas poderão ligar para seus parceiros norte-americanos com custo zero”, diz Luiz Felipe Barros, gerente-geral do Viber no Brasil.

Há mais de um mês, o Viber permite que os usuários brasileiros liguem de graça e de forma ilimitada para fixos em todo o território nacional. As chamadas para celular também são gratuitas, mas apenas entre quem utiliza o aplicatvo.

A base de usuários da plataforma no país saltou de 10 milhões, em janeiro, para 15 milhões. Foram mais de 13 milhões de ligações gratuitas e 60 milhões de minutos no último mês. “O Brasil se consolida como um dos mercados mais promissores para a expansão global da empresa”, explica Barros.

Segundo o Viber, as ligações sem custo no Brasil e para os EUA serão renovadas semanalmente caso o volume de mensagens de texto trocadas pelos usuários aumente pelo menos 25% em cada sete dias.

 

Tradução:
Você descobriu! Eu queria fazer uma surpresa extra para mostrar como nos sentimos tão bem-vindos no Brasil. Aproveite as chamadas grátis para EUA!

USA-Brazil-flag

Como fazer

As chamadas são realizadas por meio do recurso Viber Out, que normalmente é pago. Para usufruir do benefício, basta baixar o aplicativo gratuitamente (disponível para iOS e Android) e digitar o número com o respectivo DDD. Nas ligações para os EUA, o processo é mais complicado: digite 00 + código da operadora + código do país (1) + código da cidade + número do telefone. Nos dois casos, é preciso estar conectado à internet, sendo que a qualidade da chamada depende da conexão.

Fonte: olhardigital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

YouTube lança plataforma de vídeos curtos para competir com TikTok

Em fase de testes, YouTube Shorts está disponível somente para usuários de Android na Índi…