Um vídeo que mostra um Galaxy S4 com a entrada USB queimada ganhou destaque no YouTube. Segundo o usuário GhostlyRich, responsável pela publicação, seu smartphone pegou fogo enquanto estava ligado na tomada.

Uma semana depois, o internauta voltou ao YouTube com uma suposta carta polêmica da Samsung. No documento, a sul-coreana tentaria silenciar o cliente, afirmando que só trocaria o smartphone caso ele removesse o vídeo e não a processasse por danos.

O segundo vídeo, com a acusação, se espalhou ainda mais e já conta com mais de 700 mil visualizações. Em seu perfil no Facebook, o usuário postou fotos em HD do aparelho queimado e um print de um suposto e-mail da Samsung.

Não há garantia de que o documento seja verdadeiro e o usuário também não explica em que condições o smartphone estava sendo carregado. No YouTube, alguns usuários acusam-no de ter causado um curto-circuito intencional. Até o momento, a Samsung não se pronunciou oficialmente sobre o ocorrido.

Fonte: olhardigital

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Xiaomi apresenta robô humanoide que promete reconhecer emoções como tristeza e ‘consolar’

Nesta quinta-feira (11), a Xiaomi apresentou o primeiro protótipo do robô humanoide CyberO…