Empresa publicou comparativo ano-a-ano com ‘Black Ops II’, de 2012. Activision já esperava queda por conta de novos videogames, diz site.

As vendas do game de tiro em primeira pessoa “Call of Duty: Ghosts” representaram para a série “Call of Duty” uma queda ano-a-ano de 19% em relação ao título de 2012, “Black Ops II”, segundo uma análise de mercado da empresa Cowen & Company reportada pelo site “VentureBeat”.

A diferença é ainda mais notória quando levado em consideração o tempo de venda e as plataformas disponíveis. “Call of Duty: Ghosts” foi lançado no dia 5 de novembro para Xbox 360, PlayStation 3, Wii U e PC, o que dá ao título uma semana de vantagem sobre “Black Ops II”, que saiu para as mesmas plataformas – com exceção do Wii U – em 12 de novembro de 2012.Ghosts-activision

Nos dias 15 e 22 de novembro de 2013, “Ghosts” também chegou aos videogames de nova geração PlayStation 4 e Xbox One, respectivamente.

De acordo com a Cowen, as vendas de “Call of Duty: Ghosts” são “ainda mais preocupantes” quando comparadas aos resultados de “Modern Warfare 3”, game da série lançado em 8 de novembro de 2011. “Em relação a 2011, o título [‘Ghosts’] está 32% atrás”, diz Doug Creutz, analista da Cowen, ao “VentureBeat”.

Segundo a reportagem, a queda de vendas já era esperada pela Activision. A produtora havia informado seus investidores que muitos jogadores iriam economizar nas compras para mudar dos videogames antigos (PlayStation 3 e Xbox 360) para a nova geração.

No entanto, Creutz diz não acreditar que as novas plataformas irão ajudar o desempenho de “Ghosts” nas lojas. “Não está fora de questão o título encerrar o ano-a-ano com entre 20% e 25% a menos [que ‘Black Ops II’]”.

Fonte: g1.globo.com/tecnologia/games

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Activision revela que base ativa de Call of Duty cai para menos de 100 milhões de jogadores

A base de usuários ativos mensais (MAUs) da Activision para Call of Duty caíram para menos…