Da série “rumores desencontrados”, na última semana circulou pelos fóruns e sites especializados um roadmap da AMD que mostrava os planos para os lançamentos futuros de APUs como as aguardadas Kabini que foram apresentadas durante o GPU 13 rodando Battlefield 4 em Full HD com detalhes médios (aqui), até então nenhuma novidade já que é os planos da empresa são do conhecimento de todos, mas uma grande surpresa chamou a atenção, os processadores FX não apareciam no calendário decretando que os FX “Vishera” séries 6000, 8000 e 9000 seriam os últimos processadores desse tipo a ser lançado pela empresa, nesta semana a AMD desmentiu os rumores, afirmou que o tal calendário é falso e que os processadores FX vieram para fica, apresentando inclusive planos para o futuro.

Memórias DDR 4 e um novo “socket”

AMD false roadmap 2014O último lançamento da série AMD FX foi o FX 9590 com incríveis 5 GHz, velocidade que apesar de impressionante não é quase nunca alcançada pelo processador que está mais para um item de colecionador devido aos preços “padrão Intel” e com um desempenho que não conseguiu superar os concorrentes deixando a marca de “custo x benefício” anos luz atrás, foi mais uma jogada de marketing da AMD já que o modelo não representou grandes ganhos.

amdHoje o FX 8350 cumpre um papel importante no mercado disputando com core i5 e os core i7 de entrada mas como já comentamos em nossa análise sobre próxima geração e os PCs, agora pode ser a melhor hora para a AMD e seus octa-core (aqui). Conforme a própria AMD disse, os motores gráficos Unreal Engine, CryEngine e Frostbite 3 já são capazes de fazer uso de até oito núcleos simultaneamente, algo que claramente favorece os FX que possuem oito núcleos físicos contra os quatro físicos de i5 e i7, algo que já foi comprovado em benchmarks que mostram o FX 8350 que custa hoje em torno de R$ 600,00 com um desempenho extremamente próximo dos i7 top de linha que custam caminhões de dinheiro.

Toda essa análise é necessária para dizer apenas uma coisa, não faria sentido nenhum abandonar um produto que agora começa a tirar vantagem de sua inovação e ousadia e a AMD sabe disso. Ainda rebatendo os falsos rumores, a AMD revelou que a próxima versão dos FX Series virá junto com o lançamento das memórias DDR 4 batendo de frente com os processadores Intel Haswell-E previstos para 2015, junto com os novos FX virá também um novo socket para suportar as novas tecnologias, provavelmente o AM4, mas até lá o AM3+ ainda sobrevive e talvez ganhe até um fôlego extra nos poupando de um upgrade de placa mãe por enquanto.

Uma das expectativas para a próxima geração dos FX é o aumento do número de núcleos para algo em torno de 12 graças a novas APIs como a Mantle da AMD que é capaz de trabalhar com até 12 threads. Essa é mais uma lição de que precisamos sempre desconfiar dos rumores, principalmente dos tais “vazamentos”.

E vocês, que processador escolheram para os jogos da próxima geração?

Fonte: Lock Gamer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Nova falha do Windows 10 tem fácil execução e pode corromper sistema

Um novo bug para Windows 10 descoberto ainda no ano passado e que pode resultar em danos g…