Hey!

 

Encontrei um artigo na internet que achei muito interessante sobre o Guy Fawkes e estou “compartilhando com vocês.

Como tem gente que só gosta de imagem, por espontânea vontade acabei pesquisando alguma coisa no google e acrescentei no post:

Abraços.

_________________________________________________________________________

Guy Fawkes

 

por: Kenneth Maxwell

traduzido por: PAULO MIGLIACCI

 

Os ingleses têm algumas tradições muito curiosas. Uma das mais duradouras é a Noite de Guy Fawkes.

A cada 5 de novembro, imagens de Guy Fawkes são queimadas em fogueiras em todo o país. Fogos de artifício são disparados para celebrar o fracasso da “conspiração da pólvora”, que, em 5 de novembro de 1605, tentou explodiu a Câmara dos Lordes, onde o rei James 1º deveria participar da sessão de abertura do Parlamento.

guy_fawkes
imagem do próprio

 

Guy Fawkes foi encontrado com 36 barris de pólvora na cripta sob o plenário da Câmara dos Lordes. Caso a explosão tivesse acontecido como planejada, o rei James e muitos parlamentares teriam certamente sido mortos, e o edifício, demolido pela detonação. Ao menos era esta a alegação e a intenção do complô de Guy Fawkes, e é este o evento celebrado a cada 5 de novembro.

“Remember, remember, the Fifth of November” se tornou uma expressão popular. As fogueiras, entretanto, foram originalmente resultado de um ato parlamentar aprovado 400 anos atrás para que as pessoas recordassem a “pólvora e traição”, e para criar um dia de ação de graças pelo “afortunado escape de James 1º dos malévolos conspiradores católicos”.

O complô da pólvora também ficou conhecido como “traição dos jesuítas”, já que o objetivo era restaurar sobre a Inglaterra a autoridade papal que Henrique 8º, o pai da rainha Elizabeth 1ª, havia repudiado devido ao seu desejo de se casar com Ana Bolena, a mãe de Elizabeth.

Guy Fawkes foi contratado para realizar o atentado, e assumiu o nome de “John Johnson” para se tornar zelador do Parlamento. Quando de sua detenção, ele supostamente teria bradado o seguinte: “Minha explosão lançará todos vocês, mendigos escoceses, de volta às suas montanhas natais”.

O rei James 1º era o rei James 6º da Escócia, que sucedeu a “rainha virgem”, Elizabeth 1ª. James era filho da rainha Mary da Escócia, executada por ordem de Elizabeth.

Alguns historiadores alegam que o complô foi obra de sir Robert Cecil, principal ministro do rei James, que odiava os católicos. Guy Fawkes foi torturado por 72 horas. Em lugar de ser enforcado e esquartejado, como previa a sentença, ele se jogou do cadafalso e morreu ao quebrar o pescoço.

O grupo de protesto Anonymous usa máscaras de Guy Fawkes em seus protestos contra governos e o sistema, em todo o mundo: rostos brancos estilizados, com um largo bigode de pontas retorcidas para cima, acompanhado por uma estreita barba vertical. Isso inclui, é claro, o Brasil.

Anonymous
Anonymous

 

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/colunas/kennethmaxwell/2013/11/1367861-guy-fawkes.shtml

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

TV 8K da Sony ‘ideal para PS5’ chega ao Brasil com 75″ e preço de carro

Modelo já está disponível para comprar no site oficial da marca A Sony começa a vender a n…