Facebook começou a testar uma tecnologia que rastreia os movimentos do mouse para coletar ainda mais dados sobre seus usuários, de acordo com o Wall Street Journal. Com isso, a equipe da rede social poderia saber durante quanto tempo uma pessoa deixou o cursor sobre determinada área do site, ou que áreas do feed de notícias ficam visíveis durante a navegação via dispositivos móveis, como explica o diretor de análises da companhia, Ken Rudin.

A ideia é aprimorar alguns setores da empresa, desde o desenvolvimento de produtos até conseguir exibir anúncios mais direcionados para cada usuário.

A tecnologia parece bastante promissora para os negócios de Zuckerberg e, se for colocada em prática, com certeza irá despertar a ira de muitos adeptos do Facebook. Mas Rudin ainda não sabe se isso será aplicado. “Provavelmente vamos descobrir dentro de alguns meses”, informou ao jornal. De qualquer forma, ele já começou a preparar a infraestrutura da companhia para lidar com um aumento massivo do volume de dados.

Fonte: adrenaline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Feliz aniversário S0ST1N3S

Hoje é um dia muito especial, para você e para todos nós também, pois apenas desejamos o s…