Seleciononamos novos modelos vistos em feira de tecnologia em Berlim. Outro fone muda de cor quando riscado; veja e escolha seu favorito.

Escolher um fone de ouvido não é tarefa simples. Se antes a decisão geralmente envolvia apenas orçamento ou qualidade de som desejada, hoje, mais do que nunca, um acessório do tipo vende por causa de estilo, resistência ou algum recurso diferenciado.

Por isso, aproveitamos a feira de tecnologia IFA, realizada entre os dias 6 e 11 de setembro em Berlim, na Alemanha, para conferir e separar os principais (e mais diferentes) lançamentos do setor. A seleção inclui desde um modelo que vibra no ritmo da música até outro que muda de cor quando riscado. Veja abaixo e escolha seu favorito:

Fone Crusher, da Skullcandy (Foto: Bruno Araujo/G1)

Chacoalhando o esqueleto

Conhecida por seus fones de ouvido bastante coloridos e estampados, a fabricante Skullcandy buscou tornar ainda mais sensorial a experiência de ouvir música.

Usando um segundo circuito eletrônico, o modelo Crusher tem um sistema embutido que vibra no ritmo dos tons graves das músicas.

A tecnologia funciona bem, mas exige o uso de uma pilha AAA. O corpo do fone é bem maleável, pode ser dobrado e tem cabo desconectável.

Preço: US$ 100
Site oficial: www.skullcandy.com

Studio, da Beats (Foto: Bruno Araujo/G1)

O pai de todos

Principal responsável pelo recente boom de fones de ouvido mais robustos, muito por conta da sua forte ação de marketing com artistas e atletas, a Beats mostrou o novo Studio, seu modelo top de linha.

O fone isola bem o som e pode ser usado sem fios – a bateria é recarregável e tem autonomia de até 20 horas, segundo a fabricante.

Em 2012, a Beats, cofundada pelo rapper norte-americano Dr. Dre, se separou da parceira Monster, fabricante de cabos HDMI.

Preço: US$ 300
Site oficial: www.beatsbydrdre.com

Master Tracks XC, da Sol Republic (Foto: Bruno Araujo/G1)
Para profissionais

A Sol Republic, que também mostrou na IFA seu alto-falante Deck, com Bluetooth, revelou o fone Master Tracks XC, projetado para produtores de música.

O modelo foi desenvolvido em conjunto com o DJ Calvin Harris, 4º músico mais bem pago em 2012 segundo lista da revista Forbes.

O Master Tracks XC, no entanto, não pôde ser testado. A previsão de lançamento é 1º de outubro.

Preço: US$ 250
Site oficial: www.solrepublic.com

The Stretch, da Philips (Foto: Bruno Araujo/G1)

Camada dupla

O fone de ouvido The Stretch, da Philips, é uma parceria da fabricante com a marca de surf O’Neill. Por conta disso, um dos seus destaques é justamente a resistência a atividades mais radicais.

O modelo tem bastante elasticidade, cabos reforçados e uma camada dupla de tinta nas extremidades. Assim, caso sofra algum risco, a superfície ganha uma nova cor.

O Stretch será relançado no Brasil, mas ainda não tem preço confirmado para o país.

Preço: US$ 100
Site oficial: www.philips.com

Fonte: g1/tecnologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Open Beta de Call of Duty: Black Ops Cold War começará em outubro

Nos últimos dias, os afortunados players do PS4 tiveram a oportunidade de participar do Al…