Informação foi confirmada pela Riot Games no blog oficial do jogo. Segundo desenvolvedora, ‘usuários com senhas fáceis estão vulneráveis’.

O game de ação on-line “League of Legends” foi recentemente hackeado nos Estados Unidos, afirmou a desenvolvedora Riot Games na terça-feira (20) em uma postagem no blog oficial do jogo.

O texto não diz quantas contas foram comprometidas nem quando a invasão aconteceu, mas relata que “nomes de usuários, endereços de e-mail, ‘hashes’ de senhas e alguns primeiros e últimos nomes próprios foram acessados”. Os “hashes” não são a senha em si, mas sequências de caracteres (letras e números) que representam as senhas “reais”, afirma o colunista de segurança digital Altieres Rohr.

120 mil registros de transações de 2011 que incluíam “hashes” de números de cartões de crédito também teriam sido acessados, segundo a Riot, mas “o sistema de pagamento envolvido nesses registros não é usado desde julho de 2011, e por isso esse tipo de informação não é mais coletado em nenhum servidor da Riot”.

De acordo com a criadora de “LoL”, “os arquivos de senhas são ilegíveis, mas jogadores com senhas fáceis estão vulneráveis ao roubo de contas”. Por conta disso, a desenvolvedora está pedindo que todos os jogadores dos EUA troquem suas senhas “para combinações mais difíceis de adivinhar”.

A Riot diz ainda que lamenta o ocorrido e que está trabalhando em novos recursos de segurança, como uma verificação de conta por e-mail e a autenticação dupla por SMS nas mudanças de dados dos usuários.

Fonte: g1.globo.com/tecnologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…