WiiU_MarioKart8

No nosso review de Sonic & All Stars Racers, falamos que o game de corrida estrelado pelo mascote da Sega se arriscava muito mais do que qualquer Mario Kart e que, por isso mesmo, conseguia ir muito mais longe. Parece que a Nintendo entendeu o recado.

O novo episódio da saga autombilística da Nintendo não é só uma evolução da fórmula testada e (muito) aprovada por tanta gente e por tanto tempo. A base do jogo ainda é a mesma, retocada aqui e ali. Os controles estão firmes e rápidos, até quando se tenta pilotar usando o giroscópio do GamePad (o que, mesmo assim, não é o ideal) e as derrapadas funcionam como em Mario Kart 7. O jogo do 3DS, aliás, é o que serve de sustentação para o novo, do Wii U.

A maior novidade deste Mario Kart, segundo a própria Big N, é a possibilidade de desafiar a gravidade. E, felizmente, isso não se traduz só em transformar o seu kart em planador ou avião, nem em só fazer com que a pista parafuseie e vire de cabeça pra baixo (apesar de isso acontecer, e ser bem legal).

WiiU_MarioKart8_

Essa é a lição que a Nintendo aprendeu com a Sega: o grande barato do jogo parece ser a possibilidade de explorar caminhos alternativos e interessantes nas pistas, bem como acontece no jogo que a Sumo Digital lançou em 2012. Enquanto a Princesa, Luigi e Bowser seguem pelas ruas normais, você pode seguir o Yoshi correndo pela parede e encontrar um traçado completamente diferente, com seus próprios itens e armadilhas, que vai se unir com o caminho principal lá na frente.

Essa nova diversidade, combinado com os designs de pistas já consagrado da equipe de Mario Kart, promete dar uma boa renovada de ares na série.

 Fonte: kotaku

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

TV 8K da Sony ‘ideal para PS5’ chega ao Brasil com 75″ e preço de carro

Modelo já está disponível para comprar no site oficial da marca A Sony começa a vender a n…