Reorganização da empresa já fechou estúdios e levou à saída do antigo CEO.

riccitiello_EAGames2

O Kotaku US ouviu de várias fontes que a Electronic Arts está cortando postos de trabalho hoje. Estima-se que até 10% dos funcionários da empresa tenham sido afetados.

A EA não comentou sobre o número de pessoas atingidas pela decisão, mas divulgou uma nota a respeito desse processo de “reorganização”.

“Nas últimas semanas, a EA alinhou todos os elementos da sua estrutura organizacional tendo como prioridade as novas tecnologias e o mobile. Isso nos levou a [tomar] algumas decisões difíceis de reduzir a mão de obra em alguns lugares. Somos extremamente gratos pelas contribuições feitas por cada um dos funcionários – a ausência daqueles que estão deixando a EA será sentida pelos seus colegas e amigos.”

“Essas são mudanças difíceis, mas essenciais, para nos focarmos na entrega de grandes jogos e mostrarmos aos jogadores de todo o mundo porque eles devem passar o tempo deles conosco.”

A Electronic Arts já tinha feito cortes em alguns dos seus estúdios em fevereiro deste ano e, um mês depois, o então CEO John Riccitiello anunciou sua saída da empresa. Nas palavras imortais do poeta: não tá fácil pra ninguém.

Fonte: jogos.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

App do SUS envia notificação para quem teve contato com infectados por Covid-19

Aplicativo Coronavírus – SUS, do Ministério da Saúde O Ministério da Saúde anunciou …