Konami usa novo sistema gráfico e de física na versão deste ano do jogo.
Gamers poderão editar times pelo celular e usá-los depois no game.

Pro Evolution Soccer 2014

“Pro Evolution Soccer 2014”, nova edição do game de futebol da produtora japonesa Konami, chega apenas no segundo semestre aos videogames, mas a revista britânica especializada em games “Edge” teve acesso ao desenvolvimento do game. Segundo a reportagem, o jogo usará uma nova tecnologia que apresenta jogadores mais realistas e um sistema de simulação de física que busca tornar o game mais próximo da  realidade, com a revista afirmando que o game ficará mais próximo de “Fifa Soccer”, da Electronic Arts.

O motor de física se chama “Barycentre physics” e, de acordo com a Konami, permite a criação de pesos diferentes para cada parte do corpo de cada jogador presente em “PES 2014”. Assim, o sistema levará em conta estes pesos e tamanhos na hora de os jogadores colidirem em uma disputa de bola, por exemplo, assim como acontece em “Fifa”. Entretanto, a física permitirá que os corpos dos jogadores reajam de modo diferente dependendo do ponto do corpo em que eles são atingidos.

O motor “Barycentre” também quebra paradigmas ao trocar o centro de gravidade dos jogadores em campo. Anteriormente, o centro de gravidade era o corpo do jogador mas, agora, ele será o pé de apoio. Isso tornará dribles e fintas parte do esquema de jogo do time e não apenas uma parte estética do game, como revelou o produtor do jogo, Naoya Hatsumi, à “Edge”.

pes-2014-xbox360

Novo sistema de física faz o centro de gravidade do jogador ser o seu pé de apoio, tornando a finta parte da tática na partida

Os atletas virtuais ficarão mais reais. A Konami afirma que usará o motor gráfico baseado no Fox Engine, criado pela equipe da Kojima Productions – estúdio do criador da série “Metal Gear”, Hideo Kojima – o que promete trazer mais detalhes ao corpo e rosto dos jogadores virtuais. De acordo com o time de desenvolvimento, os atletas serão fotorrealistas, com o rosto apresentando imperfeições e os poros da pele.

Os uniformes, afirma a reportagem, serão construídos separadamente do corpo dos atletas. A Konami quer mostrar o uniforme tendo movimentos mais reais, parecendo leve, e, dependendo do que acontece em campo, a camiseta poderá ser puxada, o que será mostrado no game e evidenciará o corpo do atleta.

article-image

Sistema gráfico promete criar rostos próximos do real em ‘PES 2014’

As duas tecnologias unidas que formarão “Pro Evolution Soccer 2014” serão usadas tanto nos videogames atuais quanto nos da nova geração como o PlayStation 4 – que chega no final de 2013 – quanto no novo Xbox.

Os gamers que se preocupam com as táticas podem trabalhar mais o quesito no time. Será possível colocar os atletas em locais específicos do campo para poder reduzir os espaços em branco da defesa ou, desse modo organizar jogadas.

Hatsumi afirma que trabalha em uma função que permitirá aos jogadores editar os times e jogadores por meio dos smartphones quando estão na rua e usar as novas configurações no game assim que chegarem em casa.

Ainda não há data de lançamento oficial para “Pro Evolution Soccer 2014”.

Fonte: http://g1.globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Open Beta de Call of Duty: Black Ops Cold War começará em outubro

Nos últimos dias, os afortunados players do PS4 tiveram a oportunidade de participar do Al…