automaniacos_acelerador_655

Atenção, roteiristas de plantão! Aqui está uma história que dispensa adaptações para ganhar os cinemas. No último no sábado (9), o francês Frank Lecerf, de 36 anos, protagonizou uma das melhores cenas de ação jamais imaginadas. Ao sair para fazer compras, ele programou o controle de cruzeiro de seu Renault Laguna para manter os 100 km/h. No meio do caminho, porém, a velocidade subiu para 160 km/h e os freios deixaram de responder. Pior, cada vez que ele tentava parar, a velocidade subia mais – até que travou em 200 km/h.

renault-200km

Frank conseguiu acionar os serviços de emergência e pedir ajuda. Mas, mesmo com um técnico da montadora ao telefone, ninguém conseguiu encontrar um modo de controlar o carro. O jeito, então, foi montar uma escolta policial e deixar o veículo queimar todo o combustível até parar de vez.

Quem seguia pela estrada não entendia nada e achava se tratar de uma perseguição, com direito a passagens vertiginosas por praças de pedágio! O trajeto se estendeu por cerca de 210 km, partindo de Dury, perto de Amiens, na França, até Alveringem, do outro lado da fronteira belga.

Mas o drama não acaba aí. Frank Lecerf é portador de necessidades especiais, tanto que seu carro é adaptado, e sofreu duas convulsões durante o percurso. Por sorte, ele saiu ileso.

O francês diz que essa não é a primeira vez que tem problemas com o “piloto automático” do veículo. Mas o freio nunca havia travado simultaneamente. Seu advogado, claro, vai acionar a Renault.

Fala se a história não coloca no chinelo tramas como Velocidade Máxima e O carro desgovernado?

aceleradorFonte: colunas.revistaautoesporte

Um comentário

  1. João Paulo Barreto

    14 de fevereiro de 2013 em 13:38

    Será que nossos feras em carros Lucão Aprigliano, Vinicius Botura ou o PPPHOMAN teriam essa habilidade??? kkkkkkkkk

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Leia também

Bitcoin: homem perde senha e tem duas chances de acesso a conta com R$ 1 bi

Stefan Thomas, um programador alemão, revelou que tem apenas mais duas tentativas de acess…