Quatro empresas estão no páreo; TIM desistiu esta semana.

Quatro empresas estão interessadas em comprar a operadora brasileira de internet e telefonia GVT, do grupo francês Vivendi. Segundo a Folha de S.Paulo, três das propostas vêm de grupos de “equity”, de participações em empresas.

Estariam na disputa o BTG Pactual, de André Esteves, e o Gávea, de Armínio Fraga. O jornal indica que as propostas começaram a chegar há duas semanas e a Vivendi não negociará por menos de R$ 19 bilhões, mais que o dobro dos R$ 7,7 bilhões pagos pela GVT.

Não há nenhuma operadora de telefonia na negociação. A DirecTV, segundo a Folha, fez proposta de R$ 16 bilhões e nem entrou no radar do grupo francês. A TIM até demonstrou interesse, mas desistiu esta semana da negociação.

Um dos maiores grupos de mídia do mundo, a Vivendi é dona dos estúdios Universal e quer focar nesse tipo de negócio. Além da GVT, o grupo tenta repassar a Maroc Telecom, operadora de celular do Marrocos, e a Activision Blizzard, empresa de games.

Fonte: www1.folha.uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

Novo iPhone pode ser lançado dia 13 de outubro, sugerem fontes.

A Apple pode estar próxima de lançar o novo iPhone 12 no dia 13 de outubro. A informação é…