Shuhei Yoshida disse que novos serviços e ideias podem prolongar o ciclo de vida dos consoles.

Mesmo com informações sobre o kit de desenvolvimento do PlayStation 4, conversas sobre o novo console são prematuras, disse o presidente da Sony Computer Entertainment Worldwide Studios, Shuhei Yoshida, ao jornal francês Le Monde. De acordo com o executivo, enquanto os videogames chegam a limites tecnológicos perto do fim, novos serviços e ideias podem prolongar seu ciclo de vida.

Perguntado se o lançamento do Wii U significa o início de uma nova geração, ele foi descrente: “não necessariamente. Desde o lançamento do PS3, há seis anos, os gráfico evoluíram, resultando em títulos como Uncharted 3 eBeyond, da Quantic Dream. A vida dos consoles também é estendida por seus serviços online, que continuam a oferecer novas funções sociais. Portanto, é muito cedo para falar no fim desta geração de consoles.”

O executivo também comentou sobre as vendas decepcionantes do PS Vita, que desde que foi lançado, em fevereiro de 2012, comercializou apenas 3 milhões de unidades. Para Shuhei Yoshida o console portátil briga diretamente com smartphones e tablets e uma das soluções é encorajar o desenvolvimento de títulos de pequenas produtoras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

TV 8K da Sony ‘ideal para PS5’ chega ao Brasil com 75″ e preço de carro

Modelo já está disponível para comprar no site oficial da marca A Sony começa a vender a n…