Algumas dicas importantes para que você tenha uma boa experiência na web

Mais um Natal está chegando, e junto todos aqueles parentes (próximos ou distantes) e amigos que irão se reunir na sua casa. Muita bebida e comida pra celebrar a época festiva, que é seguida pelo início de mais um ano. O que não pode faltar, é claro, presentes, são especialidade das lojas virtuais, que todo ano se tornam ainda mais populares — junto com o crescimento e popularização da web.

A facilidade de comprar utilizando o celular, tablet ou computador deixa qualquer um impressionado — e sejamos sinceros, mais preguiçosos, afinal, não é necessário nem levantar da cadeira do escritório para presentar um ente querido. Mas com tanta facilidade, a internet também traz perigo, e vários cuidados são necessários para que uma tenhamos uma boa experiência.

Quem nunca recebeu aquele email tentador (ou assustador?) de uma super oferta, ou mensagem do suposto banco em que você tem conta informando que o seu cartão de crédito havia sido cancelado, ou passado do limite.. De acordo com a Federação Brasileira de Bancos (FeBraBan), os crimes eletrônicos causaram prejuízo de aproximadamente R$900 milhões no Brasil, apenas em 2010. “Desse valor, R$180 milhões foram decorrentes de golpes com cartões de crédito, R$270 milhões por fraudes cometidas com internet banking, e R$450 milhões de clonagem dos cartões de crédito,” afirma.

Os criminosos, popularmente conhecidos como hackers, vêm ao longo dos anos aprimorando suas técnicas para enganar o usuário da internet. A instalação de softwares maliciosos desenvolvidos para “grampear” um computador é o principal causador de tanto prejuízo. Temos também os emails falsos que se parecem bastante com uma mensagem real, enganando até os mais experientes com a internet.

Os programas de antivirus e combatedores dessas ameaças são atualizados diariamente com novas correções, visando proteger ao máximo o internauta, mas mesmo assim o perigo ainda é demasiado. Nunca estamos completamente seguros.

“O barato sai caro…”

“Nunca mais farei compras pela internet!” Vamos com calma, nunca estamos completamente seguros, seja virtualmente ou na “vida real.” O que podemos fazer é utilizar softwares originais, sempre atualizados, e inclusive suítes de segurança — os programas de proteção do Kaspersky são bastante conhecidos pela sua eficácia contra pragas na internet, e na sua máquina. E claro, para tudo, bom senso.

Transações bancárias, somente com HTTPS

Transações bancárias, somente com HTTPS

“Quando a esmola é demais, o santo desconfia.”

Tome cuidado com aqueles emails de bancos que pedem informações pessoais, ou propagandas muito tentadoras. Seu banco nunca irá lhe pedir informações como RG, CPF, nome completo, endereço ou qualquer outro dado, ao menos não pela internet.

Caso receba um email que te deixe curioso, contate a instituição financeira que você é cliente e confirme a informação. Uma dica importante para bancos é conferir se a página está protegida. Ao realizar qualquer transação por internet banking, o ato deve ser protegido pela tecnologia HTTPS (vide a imagem ao lado).

Na hora de escolher as lojas virtuais que irá realizar alguma compra, procure sempre por selos de segurança, certificados digitais e na hora de fornecer informações bancárias, se a página está protegida pela tecnologia HTTPS. Os maiores sites de vendas geralmente são os mais confiáveis, afinal, você conhece melhor a companhia, o histórico. Sites menores, recém-lançados ou até recomendações de amigos devem ser bem analisados.

Procure informações de quem já comprou na loja, de quem reclamou, veja se os preços dos produtos estão certos ou baratos demais, procure saber quem está por trás da administração. A internet e os diversos buscadores irão te ajudar a encontrar a informação que você precisa, basta querer e saber procurar.

Amanhã, sexta-feira (23), Black Friday no Brasil, tome muito cuidado com as páginas que você vai colocar o número do seu cartão de crédito. Em um dia tão esperado pelo consumidor, as ameaças tomrão conta de quem não estiver preparado. Lembre-se, quando a esmola é demais, o santo desconfia. Esse velho ditado nunca deixará de ser útil.

Fonte: http://conteudonerd

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

EA Desktop é o novo aplicativo para PC e abandonará nome “Origin”

Renomeado EA Desktop App, plataforma abre inscrições para beta A Electronic Arts …