Diretor da Saraiva diz que não comenta rumores de mercado

A Amazon, maior varejista online do mundo, está em conversações para comprar a Saraiva SA Livreiros Editores, afirmou a agência de notícias Bloomberg News, citando uma fonte com conhecimento do assunto. Um porta-voz da Amazon não quis comentar, enquanto o diretor financeiro da Saraiva, João Luis Ramos Hopp, afirmou que a companhia não falaria sobre rumores do mercado.

Segundo a Bloomberg News, o presidente da Amazon, Jeff Bezos, usaria o acordo para iniciar as operações da empresa no Brasil. A Amazon está em busca de novos mercados de atuação.
A Saraiva, com sede em São Paulo, publica e vende livros pela internet e em lojas físicas. No segundo semestre, teve resultado de R$ 341,5 milhões em vendas líquidas e um crescimento de 4,4% na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior. O comércio online foi responsável pela fatia de R$ 103,7 milhões.

Procurei pela notícia original da Bloomberg News, pois esta do Estadão me pareceu pouco esclarecedora. No entanto a notícia original em inglês não possui muitas informações, traduzi, dentro de minhas possibilidades as partes mais importantes:

Amazon estaria em negociações para comprar a Saraiva do Brasil

Amazon., maior varejista online do mundo, está em negociações para comprar Saraiva SA Livreiros Editores, editora e vendedora de livros do Brasil, afirmou uma pessoa com conhecimento direto do assunto ontem.
A pessoa pediu para não ser identificada porque as discussões são privadas. A Saraiva, com sede em São Paulo, publica livros e os vende pela Internet e através de uma cadeia de lojas.

Jeff Bezos usaria a união para ampliar a base da empresa no Brasil, a maior da América Latina. Ele está à procura de novas áreas de crescimento.
Drew Herdener, porta-voz da Amazon em Seattle, se recusou a comentar. O Diretor Financeiro da Saraiva João Luís Ramos Hopp, disse ontem que a empresa não comenta rumores de mercado.

A Saraiva possui um valor de mercado de 723,7 milhões de reais (356,2 milhões dólares americanos).
A Revista Exame informou em agosto que a Saraiva estava entre os possíveis alvos de aquisição para a Amazon no Brasil. A publicação não cita como obteve a informação.

Expansão do varejo
O mercado online do Brasil vai expandir as vendas no varejo segundo a empresa de consultoria E-bit disse em agosto. A indústria expandiu 21% no primeiro semestre de 2012 em comparação ao mesmo período de 2011, também conforme o E-bit.

A Saraiva irá aumentar as suas vendas digitais nos próximos anos, conforme o governo do Brasil planeja começar a comprar livros digitais em 2014, Marcio Osako e Fernando Labes, analistas do Banco J. Safra SA em São Paulo, escreveram em nota 02 de outubro .
“Ela representa um grande aumento na receita e pode se consolidar ainda mais no mercado”, escreveram os analistas, dizendo que a Saraiva tem cerca de uma quota de 19% das compras brasileiras de livros didáticos do governo.
As vendas líquidas da Saraiva subiram para 341,5 milhões de reais no segundo trimestre, um aumento de 4,4% por cento ante o ano anterior. O negócio online contribuiu 103,7 milhões de reais, de acordo com comunicado da empresa.

Fontes: http://economia.estadao e http://www.bloomberg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

YouTube lança plataforma de vídeos curtos para competir com TikTok

Em fase de testes, YouTube Shorts está disponível somente para usuários de Android na Índi…