Kim Dotcom, o fundador do serviço de compartilhamento de arquivos Megaupload, voltou ao Twitter promovendo um novo serviço, também de compartilhamento de arquivos, batizado de Megabox.

Kim Dotcom, à esquerda, ao ser solto, em fevereiro
Kim Dotcom, à esquerda, ao ser solto, em fevereiro

“As grandes gravadoras pensaram que o Megabox tinha morrido. Comemorem, artistas. Ele está chegando e vai libertá-los”, disse Kim em um tuíte na quinta-feira. “Eles declararam guerra à internet, à inovação e ao Megaupload. É hora de regir”, disse hoje.

Carros apreendidos na mansão de Dotcom
Carros apreendidos na mansão de Dotcom

Segundo o site Mashable, especializado em tecnologia, o Megabox será um site baseado na descoberta, armazenamento e compartilhamento de músicas, como o Spotfy, que deve ser seu maior concorrente.

Dotcom ficou mês na cadeia depois que seu serviço saiu do ar, em janeiro deste ano. Em fevereiro, foi para prisão domiciliar enquanto aguarda a Justiça da Nova Zelândia decidir se ele será extraditado ou não para os Estados Unidos, onde enfrenta um processo de US$ 500 milhões por infringir direitos autorais.

Fonte: http://info.abril.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Verifique também

AT&T pode ter desistido da venda da Warner Bros. Interactive

Reportagem publicada em junho apontou que AT&T planejava a venda da divisão por cerca …